DA REDAÇÃO: No MT produtores aguardam chuvas para início do plantio de soja

Publicado em 24/09/2013 14:21 e atualizado em 24/09/2013 16:27
379 exibições
Soja: Produtores do MT devem aguardar por período de chuvas mais fortes para iniciar o plantio da nova safra e garantir melhores resultados. Sojicultores que já iniciaram a semeadura têm optado pela tecnologia da irrigação, porém, maior parte dos agricultores deverão esperar por cerca de 80 mm de precipitações para iniciar trabalhos de campo.

A soja que brota em Mato Grosso (MT) nesse momento é aquela plantada onde há estrutura de irrigação. Em Vera, no norte do estado, uma propriedade rural conta com dois pivôs centrais que cobrem uma área de 320 hectares. A semeadura realizada a menos de 5 dias sobre a resteva de feijão é regada a cada 48h garantindo 8mm de água no solo até o surgimento das primeiras folhas.

O gerente da fazenda, Cláudio Vicari, afirma que sem os pivôs o plantio não seria possível, já que o clima é bastante seco. Porém, a maioria dos produtores do estado irá esperar pela chuva, mas, até o momento, as chuvas que ocorreram na região de Sorriso desde o início do mês foram fracas e esparsas e os produtores aguardam pelo menos 80mm de precipitações para garantir a umidade do solo durante o plantio.

O funcionário de outra fazenda da região, Ivanir Paniz, diz que este ano nos 2.800 hectares destinados a cultura o ritmo de plantio será lento para evitar perdas na época da colheita e garantir o rendimento de 54 sacas por hectare, uma vez que em 2012 muita soja apodreceu devido ao plantio realizado com rapidez.

Segundo o Presidente do Sindicato Rural de Sorriso, Laércio Pedro Lenz, não há necessidade de apressar o plantio para fazer a safrinha de milho no início de 2014, já que existem excedentes do grão em todo o estado e é mais vantajoso para o produtor aguardar pelas chuvas e fazer uma boa safra de soja.

Por: Sebastião Garcia, Eduardo Silva e Paula Rocha
Fonte: Notícias Agrícolas

Nenhum comentário