DA REDAÇÃO: Feijão – Baixo nível de água nos reservatórios pode comprometer irrigação das lavouras em Guaíra (SP)

Publicado em 27/05/2014 10:32 e atualizado em 27/05/2014 14:58 418 exibições
Feijão: Em Guaíra (SP), baixo nível de água nos reservatórios pode comprometer irrigação das lavouras. Ataque da mosca branca também preocupa os produtores rurais e pode ocasionar perdas entre 30% até 70%. Custos de produção são altos e giram em torno de 35 sacas de feijão por hectare.

Em Guaíra (SP), região tradicional em irrigação, as lavouras de feijão apresentam boas condições até o momento. Entretanto, o baixo nível de água nos reservatórios pode comprometer a irrigação das plantas. A situação é decorrente do pequeno volume de precipitação registrado nos meses de janeiro e fevereiro.

Além disso, as temperaturas estão mais baixas e, abaixo de 15ºC pode prejudicar as plantas, conforme destaca o produtor rural do município, Matheus Nogueira. “Possibilidade de geadas na região é mais difícil, mas não podemos descartá-la”, afirma. 

Diante desse cenário, o produtor rural diz que não é possível estimar uma produtividade média das lavouras, uma vez que irá depender do volume de chuvas e da tecnologia empregada. Porém, caso as precipitações retornem à localidade, os agricultores poderão colher entre 40 até 45 sacas de feijão por hectare. 

Por outro lado, o ataque da mosca branca nas lavouras também preocupa os agricultores da região. Ainda segundo o produtor rural, a praga pode ocasionar perdas entre 30% até 70% na produção. “E, consequentemente, temos um aumento nos custos com produtos, adubos e sementes. Não está fácil, antes plantávamos e passávamos pouco veneno, agora temos que ficar em cima das lavouras”, relata Nogueira. 

Os custos giram em torno de 35 sacas por hectare e para que haja uma remuneração, o preço da saca deveria ficar acima de R$ 100,00. 

Por:
Fernanda Custódio
Fonte:
Notícias Agrícolas

0 comentário