DA REDAÇÃO: Proteína animal – Mercado registrou altas importantes com oferta menor

Publicado em 26/08/2014 19:15 e atualizado em 27/08/2014 12:24 123 exibições
Proteína animal: Altas importantes no mercado de bovinos, suínos e aves. No mês de agosto a carne de suíno teve valorização de mais de 20% no atacado em função dos embarques para a Rússia. O frango teve elevação de 16% e carne bovina registrou ganho de 6% até a última segunda-feira (25).

O mercado de proteína animal registra altas importantes nos últimos dias em função da oferta menor. A carne de suíno, por exemplo, no mês de agosto teve valorização de mais de 20% no atacado. O frango teve elevação de 16% e carne bovina registrou ganho de 6% até a última segunda-feira (25).

Segundo o analista de mercado do Cepea, Augusto Maia, as altas, principalmente, para os suínos se devem em função da expectativa com os embarques para a Rússia. “O embarque habilitou novas plantas no Brasil e embargou o mercado dos Estados Unidos e da União Européia, fazendo com que o mercado de suíno que trabalhava com baixa oferta desde 2013 e agora com uma oferta mais ajustada sofresse essa alta”, disse Maia em entrevista ao programa Mercado & Cia desta terça-feira (26).

Com o aumento da carne bovina e de suínos no atacado, o frango teve uma demanda maior e vem sendo beneficiado. “A carne de frango é a proteína mais barata entre as três e com o aumento das outras, que estão trabalhando a patamares maiores desde o começo do ano há o favorecimento da demanda por frango, quando o consumidor não tem mais poder aquisitivo ele opta pela mais barata”, ressalta.

Por:
Jhonatas Simião
Fonte:
Notícias Agrícolas

0 comentário