EXCLUSIVO: Dia de recuperação para a soja; mercado entra nos fundamentos climáticos novamente

Publicado em 21/06/2011 18:53 469 exibições
Grãos: com calma no mercado financeiro, os fundamentos climáticos voltaram a puxar as cotações em Chicago. Previsão para tempo seco e quente em julho pode prejudicar desenvolvimento das lavouras norte-americanas.

 

A terça-feira é de calma no mercado financeiro, com as commodities agrícolas conseguindo força para se recuperar da liquidação dos players com as vendas das posições compradas nos últimos dias. A soja encerrou o pregão na Bolsa de Chicago com alta de mais de 12 pontos (principais vencimentos), e volta agora aos fundamentos climáticos sobre a safra dos Estados Unidos.

Glauco Monte, consultor da FCStone, alerta para a entrada de fato no mercado climático, onde existe previsões para altas temperaturas e seca em julho, quando as lavouras norte-americanas de soja e milho estão em fase de amadurecimento.

Com isso, o mercado tende a se tornar cada vez mais volátil até que exista uma definição desta temporada dos trabalhos agrícolas, pois em momento de estoques mundiais de grãos muito baixos, qualquer perda ou ganho na safra mexerá com os preços do mercado.

Por:
João Batista Olivi e Juliana Ibanhes
Fonte:
Notícias Agrícolas

0 comentário