DA REDAÇÃO: Queda nas temperaturas eleva preço pago ao produtor de leite; tendencia é de cotações continuem subindo

Publicado em 22/07/2011 14:03 e atualizado em 22/07/2011 15:17 516 exibições
Leite: queda nas temperaturas elevou preço pago ao produtor e a tendência continua para alta. Rentabilidade só não é maior por conta da elevação nos custos da produção este ano. Referência em S. Paulo paga R$ 0,87/litro.
Os preços do leite para o produtor continuam subindo. A menor oferta em função da queda das temperaturas e as geadas ocorridas principalmente no sul do Brasil colaboraram para mais um mês de firmeza no mercado do leite. A expectativa é de novos avanços para o próximo pagamento que remunera a produção de junho.

Segundo o analista da Scot Consultoria, Rafael Ribeiro Filho, considerando a média nacional, o preço do leite ao produtor já subiu quase 12% neste ano, porém os altos custos de produção, que saltaram cerca de 40% no período, limitam os ganhos do produtor. "Para uma propriedade com menos tecnologia a rentabilidade ficou em torno de apenas 1% ... mais uma vez a gente sente a necessidade de se investir em tecnologia para buscar sempre maior produtividade na mesma área para conseguir manter a receita", comenta.

Os custos que mais pesam no bolso do pecuarista hoje são o milho e o farelo de soja, que apresentaram uma alta de 70% e 10%, respectivamente, em relação a 2010.

Hoje o produtor paulista recebe em torno de R$ 0,87 pelo litro. Em Minas Gerais a referência é de R$ 0,85/l, R$ 0,83 em Goiás, porém existem negócios de até R$ 0,90 neste estado. Em Santa Catarina o produtor recebe R$ 0,78 e no Paraná R$ 0,83, uma alta de até 6% em relação ao ano passado. No Rio Grande do Sul, o preço segue a R$ 0,79 e na Bahia R$ 0,75 por litro.

Por:
João Batista Olivi e Marília Pozzer
Fonte:
Notícias Agrícolas

1 comentário

  • Alex Sandro Fedel Manoel Ribas - PR

    Enquanto o leite ai do sudeste teve aumento, nos aqui do parana, tivemos duas leves baixas, sendo 2 centavos para julho e 2 centavos para o proximo mes, agosto. Os laticinios usam como referencia a CONSELEITE, orgão do estado que mede o preço do leite. Então até parece que tem alguma coisa errada por ai, por que se fala de autas no preço do leite, e nos aqui perdemos 4 centavos no preço do leite. Apesar que por enquanto são leves baixas...

    0