Vantagens e desvantagens da recuperação judicial no agro são discutidas em debate promovido pelo NA

Publicado em 24/04/2020 15:56 e atualizado em 25/04/2020 09:53 3896 exibições
Aleksander Horta - Jornalista
Notícias Agrícolas realiza debate sobre recuperação judicial

Podcast

Notícias Agrícolas realiza debate sobre recuperação judicial

Download

LOGO nalogo

Em entrevista especial ao site Notícias Agrícolas, três especialistas foram convidados para debater sobre as recuperações judiciais no Brasil: Bernardo Fabiani, CTO da Terra Magna, Marcos Araújo, analista da Agrinvest e Frederico Buss, assessor jurídico da Farsul. A discussão foi necessária diante das inúmeras incertezas pelas quais passam os produtores rurais, principalmente nesse momento em que o coronavírus está afetando a economia global.

Frederico Buss explicou que o produtor rural, mesmo Pessoa Física, tem o direito de recuperação judicial. No entanto, para requerer esse tipo de benefício, o produtor precisa preencher todos os requisitos das demais empresas, com exceção do tempo de inscrição de 2 anos na junta comercial.

Bernardo Fabiani complementou que as recuperações judiciais possuem a finalidade de preservar a atividade produtiva, mas que tem sido utilizada de forma equivocada. "Empresas financeiramente inviáveis estão tomando esse recurso, com diversos fatores mostrando que o maior problema está na gestão das empresas e na dívida estrutural", disse.

Essa má utilização do recurso está limitando a oferta de crédito, é o que afirma Marcos Araújo. Ele alerta que o produtor rural precisa estar em dia com seus deveres contábeis, para que benefícios e financiamentos sejam facilitados. Como exemplo, foi citado ao longo da entrevisa o caso da Indiana Agri, que teve cargas de soja bloqueadas por causa de uma recuperação judicial. "É um problema muito sério, que pediu uma recuperação de R$ 220 milhões, que é um risco de crédito muito grande. O produtor rural precisa tomar muito cuidado, é preciso que o produtor tenha um suporte para tomar a decisão antes de negociar coom quem quer que seja", alertou.

Veja a entrevista completa no vídeo acima.

Produtores rurais e credores fazem manifestação em frente a Indiana Agri

Na tarde do dia 20 de abril, produtores rurais e credores fizeram manifestação em frente a empresa INDINAGRI, trade que atua no setor do agronegócio, no municipio de Primavera do Leste/MT. 

Segundo as informações do portal ElNews foram colocadas faixas e máquinas em frente a empresa. A classe produtora alega que a Recuperação Judicial pedida pela empresa na Comarca de Primavera do Leste seja apenas um golpe para não paga-los.

Confira o vídeo que mostra as máquinas e faixas em frente a empresa. 

A empresa Indinagri Comércio e Exportação de Cereais (Pereira & Parra Pereira Ltda) ingressou no último dia 08 de abril com um pedido de recuperação judicial. A tradding, que compra e vende grãos, alega dívidas de R$ 222,297 milhões com 365 bancos, indústrias, agropecuárias e ainda pessoas físicas. 

Veja as imagens da manifestação que ocorreu na tarde desta segunda-feira: 

Imagens enviadas para a nossa redação por whatsapp

Manifestação de Recuperação Judicial na  IndianAgri / Primavera do Leste - MT

Manifestação de Recuperação Judicial na  IndianAgri / Primavera do Leste - MT

Manifestação de Recuperação Judicial na  IndianAgri / Primavera do Leste - MT

Manifestação de Recuperação Judicial na  IndianAgri / Primavera do Leste - MT

Por:
Aleksander Horta e Ericson Cunha
Fonte:
Notícias Agrícolas

0 comentário