Soja: Com término do vazio sanitário, produtores de SP aguardam chuvas para o início do plantio da safra 2017/18

Publicado em 18/09/2017 15:27 1599 exibições
Previsões climáticas indicam chuvas para a região de Coronel Macedo entre final de setembro e início de outubro. Agricultor investe em sementes de qualidade e adubação para garantir boa produtividade das lavouras. Rendimento médio gira em torno de 70 a 80 sacas do grão por hectare. Preços estão próximos de R$ 65 a R$ 66 a saca, mas poucos negócios foram realizados.
Tags:

RECEBA NOSSAS NOTÍCIAS DE DESTAQUE NO SEU E-MAIL CADASTRE-SE NA NOSSA NEWSLETTER

Ao continuar com o cadastro, você concorda com nosso Termo de Privacidade e Consentimento e a Política de Privacidade.

1 comentário

  • elcio sakai vianópolis - GO

    SOJA: "...produtividade de 70 a 80 sacas por hectare, sendo a maior parte sequeiro, a um preço de sessenta reais"..., sobra uma boa margem de lucro por hectare, não precisa nem chegar a setenta reais. Dá até pra vender a camionete 1990 e comprar uma hilux 2018. Eu tenho talhão de terras que chegou a setenta sacas, mas, agora, falar que é uma média da fazenda, é outra história. A desunião dos produtores está gerando uma propaganda enganosa pra nós mesmos. Mesmo sendo verdade esta entrevista, duvido que as terras desta parte de São Paulo se assemelhe à maior parte agricultável deste nosso Brasil. Parece até que se usarmos certos produtos, de um ano pro outro teremos estes resultados.

    1
    • Carlos William Nascimento Campo Mourão - PR

      Agricultor só muda de endereço. É só colocar um microfone na boca dele que a grande maioria só fala das pingas que tomou mas não conta os tombos que levou. Por isso que a sociedade tem a imagem que somos chorões. Nas entrevistas dizem que colhem super safra, mas depois vem pedir renegociação das dívidas com o governo. Quero propor o seguinte exercício. Transformem tudo o que tem em dinheiro, precifiquem suas terras, máquinas etc... Agora vejam quanto lucram por ano, ou seja , quanto sobra livre no bolso. Então veja quantos por cento seu capital está te remunerando. Não se assuste com o resultado. O que você verá será a remuneração por ano. Não ache que vai ser por mês. Mas seja honesto consigo mesmo. Coloque a produtividade viável, com preços realistas. Nem precisa calcular depreciação. O meu não dá 2% ao ano. Muitos vão dizer que terra é segurança. Será? Movimentamos muito dinheiro, mas o lucro não fica conosco, somente o risco é nosso. E quanto mais tecnologia usamos, mais caro fica e mais risco corremos.

      4
    • carlo meloni sao paulo - SP

      Sr ELCIO a produtividade de70-80 sacas mencionadas no artigo existem em São Paulo, mas são áreas que estão sendo cultivadas pelo menos ha 25 anos, e cuidadosamente corrigidas com CALCAREO mais GESSO--

      1