Soja já está 80% colhida em Sorriso/MT e produtor registra 10% de queda na produtividade até aqui

Publicado em 12/02/2019 12:58 e atualizado em 12/02/2019 15:01
474 exibições
Condições climáticas adversas prejudicaram o melhor desenvolvimento da safra na cidade. Expectativa é alta para produtividade do milho safrinha e do algodão, que devem ajudar os agricultores a sanarem as contas nesse ano agrícola.
Luimar Gemi - Diretor do Sindicato dos Produtores Rurais Sorriso/MT

Podcast

Entrevista com Luimar Gemi - Diretor do Sindicato dos Produtores Rurais Sorriso/MT sobre o Acompanhamento Safra de Soja e Milho

Download

LOGO nalogo

A cidade de Sorriso no Mato Grosso está bem adiantada com relação aos trabalhos de colheita da soja. Até o momento, cerca de 80% do total da área cultivada já foi colhida e os produtores começam a contabilizar os prejuízos causados com as condições adversas de clima que estiveram na região durante o ciclo da soja.

“A produtividade está sendo pontual em cada canto do município pelo tamanho de área que é plantada, então temos diferença em regiões. Na maioria nós temos uma queda de 10% na produtividade que foi alcançada no ano passado e o agricultor preocupado porque os investimentos foram feitos e sempre esperamos um ano melhor”, destaca Luimar Gemi, diretor do Sindicato dos Produtores Rurais de Sorriso/MT.

Se por um lado o cenário parece negativo para a soja, que também não apresenta valores de mercado que remuneram o produtor da melhor maneira possível, as esperanças estão altas para as culturas de safrinha. O algodão já teve o plantio finalizado na cidade e o milho segue avançando com a perspectiva de boas produtividades para ajudar no equilíbrio das contas no final do ano.

“A expectativa é grande em cima da safrinha de milho porque ela está sendo implantada na melhor época possível para se instalar uma safrinha de milho. O agricultor é sempre um investidor e quando ele consegue implantar na melhor época ele investe além daquilo que ele já tinha programado, sempre faz algo a mais. Então é que nós acreditamos e o que a gente vem buscando fazer com que amenize essa perda que tivemos na soja”, conta Gemi.

Confira a entrevista na íntegra no vídeo.

Por Guilherme Dorigatti
Fonte Notícias Agrícolas

1 comentário

  • Marcos DM -

    Senhores com todo o respeito às cidades, a agricultura se desenvolve no campo.... Portanto o correto é falar "o município de Sorriso".

    0