Piauí já colheu 7/8% da safra de soja e produtividade está em 48/50 sacas, dentro da média histórica

Publicado em 26/02/2019 12:15 e atualizado em 26/02/2019 19:26
659 exibições
Até o momento, estado tem 15% a menos de produtividade do que a safra passada, que foi recorde com 59,5 sacas por hectare. Preços baixos preocupam produtores que ainda não negociaram sua produção.
Alzir Pimentel Aguiar Neto - Presidente da Aprosoja Piauí

Podcast

Entrevista com Alzir Pimentel Aguiar Neto - Presidente da Aprosoja Piauí sobre o Acompanhamento Safra de Soja

Download

LOGO nalogo

A colheita da soja no Piauí ainda está no começo com apenas 7/8% do total já colhido, os trabalhos deve ser intensificados durante o mês de março. Até o momento, os produtores do estado registram produtividades na casa das 48/50 sacas por hectare, número 15% menor do que o registrado na safra passada, mas ainda dentro da média histórica para a localidade.

“Nós tivemos um veranico mais severo em algumas regiões do estado em meados de dezembro para janeiro e isso prejudicou bastante a soja plantada logo no início, pegando seu período de enchimento de grão. Alguns produtores sofreram mais do que outros, essa safra foi bastante marcada pela irregularidade das chuvas dentro das regiões e micro regiões”, diz Alzir Pimentel Aguiar Neto, presidente da Aprosoja Piauí.

Com a colheita avançando, os produtores passam a olhar mais para o mercado que, pelo menos no momento, não apresenta boas condições de venda para a produção piauiense. “Os preços não estão tão atrativos como os do ano passado. Nós viemos fazendo uma média de preços e acho que conseguimos uma média razoável, mas, infelizmente, aqueles produtores que sofreram mais e ficaram desprivilegiados com relação ao mercado não vão conseguir pagar as contas com insumos que não param de subir de preço. O produtor que seguro demais e não vendeu ainda vai se deparar com preços ruins”, comenta Neto.

Confira a entrevista completa no vídeo.

Por: Guilherme Dorigatti
Fonte: Notícias Agrícolas

0 comentário