Boi Gordo: Ritmo de negociações diminuiu, os frigoríficos compram com mais cautela

Publicado em 16/01/2015 17:00 e atualizado em 16/01/2015 17:31
505 exibições

Maisa Módolo
engenheira agrônoma
Scot Consultoria


O ritmo de negociação no mercado do boi gordo diminuiu nesta sexta-feira. 

Em função das recentes quedas nos preços da carne bovina com osso, os frigoríficos adquirem os animais com mais cautela.

Hoje houve queda nos preços de referência em cinco praças, das trinta e uma pesquisadas. 

Isso não significa que as compras melhoraram nessas regiões. Não há facilidade de compra. 

A redução da margem da indústria e a expectativa de acúmulo dos estoques devido às vendas fracas faz com que os frigoríficos testem o mercado, com ofertas de compra menores.

A margem do Equivalente Scot Carcaça, que considera a diferença entre o preço pago pelo boi gordo e a receita com a venda da carne com osso e demais produtos, está em 11,5%.

No início de janeiro a margem era de 16,2%.

Clique AQUI e confira as cotações do boi

Fonte: Scot Consultoria

Nenhum comentário