Boi Gordo: Pressão de baixa em SP é mais intensa e especulação cresceu, compras em estados vizinhos aumentaram

Publicado em 05/05/2015 17:50
Alex Santos Lopes da Silva
zootecnista
Scot Consultoria

A pressão de baixa está mais intensa em São Paulo. 

Nos demais estados, as ofertas de compra menores, quando ocorrem, são de R$ 1,00/@ abaixo da referência, mas os negócios por preços maiores seguem ocorrendo.

Em Cuiabá, por exemplo, há frigoríficos pagando R$ 140,00/@, à vista, R$ 1,50/@ acima da referência.

Nas praças paulistas, há quem oferte até R$ 146,00/@, à vista, mas sem relato de negócios. Ao mesmo tempo, compradores encontram dificuldade para alongar suas escalas de abate pagando R$ 149,00/@, nas mesmas condições.

A especulação cresceu e as compras nos estados vizinhos têm aumentado.

As margens dos frigoríficos voltaram aos patamares de 2014, depois de atingir um dos menores valores históricos na primeira quinzena de abril. 

No mercado atacadista de carne bovina, preços estáveis. A perspectiva da semana, com o pagamento de salários e Dia das Mães, é de melhora no escoamento e, consequentemente, nos preços.

Clique AQUI e confira as cotações do boi
 

Fonte:
Scot Consultoria

RECEBA NOSSAS NOTÍCIAS DE DESTAQUE NO SEU E-MAIL CADASTRE-SE NA NOSSA NEWSLETTER

Ao continuar com o cadastro, você concorda com nosso Termo de Privacidade e Consentimento e a Política de Privacidade.

0 comentário