Boi Gordo: Cenário segue com pressão de baixa gerada pela demanda fraca por carne

Publicado em 09/08/2016 18:14
222 exibições
Isabella Camargo    
Zootecnista
Scot Consultoria

Mantém-se o cenário de pressão de baixa nas cotações.

Das trinta e uma praças pesquisadas pela Scot Consultoria, ocorreu queda em oito e alta em duas.

No geral, os pagamentos abaixo da referência são comuns mesmo diante da oferta limitada de boiadas terminadas. 

Isso porque o lento escoamento da carne bovina não permite melhoras no preço, mesmo no início do mês, quando normalmente a população possui maior poder de compra.

Com a demanda enfraquecida, a indústria trabalha com margem de comercialização pressionada desde o início do ano. Para aquelas que fazem a desossa, o indicador está em 12,1%, valor oito pontos percentuais abaixo da média histórica.

Em São Paulo, são observados pagamentos até R$4,50/@ abaixo da referência, entretanto poucos são os negócios efetivados. Desde o início do mês, em Araçatuba, a arroba do macho terminado teve queda de 1,0%. 

No estado, as escalas de abate giram em torno de cinco dias. Entretanto, a maioria das indústrias está abatendo menor número de boiadas ou pulando dias de abate.

Clique AQUI e confira as cotações do Boi.
Fonte: Scot Consultoria

Nenhum comentário