Boi Gordo, por Scot Consultoria: Cotações firmes

Publicado em 15/07/2020 16:56 530 exibições

Thayná Drugowick

zootecnista

Scot Consultoria

Em São Paulo

Na praça paulista, o preço está estável na comparação dia a dia, em R$220,00/@, a prazo e livre de Funrural, R$219,50/@ com desconto do Senar e R$216,50/@ bruto, para o “boi comum”, cuja carne é destinada ao mercado interno.

Para animais jovens, cujo destino é o mercado chinês, as ofertas de compra chegam a R$225,00/@ bruto e à vista.

Minas Gerais

Nasregiões norte do estado e em Belo Horizonte, a cotação do boi gordo subiu R$2,00/@ em ambas na comparação feita dia a dia. Está em R$217,00/@, considerando o preço bruto, a prazo, R$216,50/@, com desconto do Senar, e R$213,50/@ com desconto do Funrural e Senar, mesma referência de preços para as duas regiões.

A dificuldade em originar a matéria-prima para manter as programações de abates explica esse cenário.

Curto prazo

De um lado temos a resistência dos frigoríficos em pagar mais pelo boi devido às incertezas do escoamento de carne bovina no varejo nos próximos dias. De outro lado a resistência dos pecuaristas em entregar as boiadas apreço menores.

Embora haja testes de valores menores para o boi gordo, a oferta de boiadas terminadas está limitada, o que não deixa espaço para que a pressão de baixa ganhe corpo.

Fonte:
Scot Consultoria

0 comentário