Feijão: Chuvas em janeiro no Paraná podem comprometer a qualidade do produto

Publicado em 21/12/2016 16:20
230 exibições
Os telefones diminuíram 80% as chamadas. Receber e-mails também é praticamente zero. Até mesmo o Whats está quieto." Este comentário de um cerealista do Paraná dá a temperatura do mercado esta semana.

Ainda assim foram reportados negócios desde R$ 120,00, para o Campos Gerais, no Paraná, até R$ 155,00, para um feijão da variedade Dama.

As chuvas previstas até o início de janeiro no Paraná podem frustrar produtores e compradores no que diz respeito à qualidade.

Assim, podem ser beneficiados os poucos produtores do Sul de Goiás, no Distrito Federal e entorno, que começam a colher a partir dos dias 05/10 de janeiro.

Nesta manhã, no Brás, foram ofertadas 6.000 sacas e, por volta das 7h30 sobravam cerca de 4.000 sacas. Os preços foram R$ 160,00 para nota 9,5, R$ 140,00 para nota 8,5 e R$ 8 para nota 135,00.

Para saber mais sobre o mercado de feijão acesse o site do IBRAFE
Tags:
Fonte: IBRAFE

0 comentário