Procafé: Fungo Phoma Ascochyta retoma seu ataque em cafeeiros

Publicado em 11/10/2016 11:08
185 exibições

O complexo de fungos Phoma/Ascochyta volta a atacar as lavouras de café, facilitado pela umidade, com a retomada das chuvas, agora em setembro/outubro.

O ataque ocorre em 3 partes dos cafeeiros – na folhagem, na ramagem e no sistema  floral. Na folhagem a Phoma provoca lesões nas folhas mais novas e a Ascochyta em folhas mais velhas, especialmente no lado da linha de cafeeiros voltado para o poente, favorecendo a queda das folhas.

Na ramagem o ataque tem inicio pela entrada dos fungos a partir da abertura provocada pela queda das folhas, no local onde havia a  inserção do pecíolo no ramo, aí alastrando e secando a parte nova do ramo, os últimos 4-5 nós terminais.

Na parte floral o ataque se dá no pedúnculo das gemas florais, a partir dos botões, depois nas flores e, especialmente, dos frutos chumbinhos.

Os prejuízos ocorrem pela queda de folhas, pela seca de ramos e pela morte/seca de botões, flores e frutinhos, deixando as rosetas com menor numero de frutos, diminuindo, assim, a produtividade.

As condições favoráveis à evolução da doença são a umidade, por chuvas finas, ventos e queda de temperatura, abertura por ação de lagartas, granizo etc, excesso de adubação nitrogenada e lavouras fechadas ou com plantas muito altas, que promovem sombra e umidade na lavoura. Assim, regiões ou épocas ou lavouras onde predominam essas condições têm o ataque aumentado, e, ali, o controle é prioritário.

A proteção é indicada com o uso de fungicidas do grupo das carboxamidas (Boscalid – Cantus a 160-200 ml/ha) , de combinações de Tebuconazole mais estrobilurinas (Nativo a 1,0 – 1,5 L/ha, Azimut a 0,75 L/ha) ou Priori Top (Azoxistrobina + Difenoconazole a 0,4-0,5 L/ha) ou Iprodione (Rovral a 0,6 – 1,0 L/ha) ou doses elevadas de estrobilurinas (Comet, Amistar etc). O ideal são 3 pulverizações no período de jul/ago  a dezembro, no entanto o mais comum são 2 aplicações, na pré e pós-florada, priorizando as lavouras de carga alta.

PHOMA ASCOCHYTA RETOMA SEU ATAQUE EM CAFEEIROS

PHOMA ASCOCHYTA RETOMA SEU ATAQUE EM CAFEEIROS 002

PHOMA ASCOCHYTA RETOMA SEU ATAQUE EM CAFEEIROS 003

J.B. Matiello e S.R. de Almeida – Engs Agrs Fundação Procafé

Tags:
Fonte: Procafé

Nenhum comentário