A agricultura 4.0, a revolução tecnológica no campo (por Implemar Peças Agrícolas)

Publicado em 27/08/2020 16:05 e atualizado em 03/09/2020 12:53 229 exibições

A Agricultura 4.0 nada mais é que uma revolução tecnológica no campo.
Ou seja, o uso de TI (Tecnologia da Informação) dentro da atividade realizada pelo produtor rural, porém, com a conexão em tempo real dos dados coletados pelas diversas tecnologias digitais, buscando um propósito a otimização da produção em todos os processos.
Principalmente com a inserção do uso de sensores terrestres, Drones, sistemas de rastreamentos via satélite e outros dispositivos.

Agricultura 4.0

(Imagem: GPTAD) 

Qual seria a real vantagem para os agricultores

Ao adicionar dispositivos eletrônicos como GPS, Drones, telemetria, sensores direto ao produtor Rural, torna -se mais prático os dados referentes as variáveis que influenciam no solo, o manejo da lavoura já que os maquinários agrícolas são equipados com sistemas que permitem o monitoramento do trabalho, beneficiando a lavoura, garantindo mais rapidez e evitando desperdícios.

Abaixo listamos os reais benefícios:

  • aumento da produtividade e da produção;
  • monitoramento das operações agrícolas;
  • identificação de pragas e doenças;
  • diminuição de desperdício;]redução de custos;
  • sustentabilidade e diminuição de impactos no meio ambiente.

Na pulverização quais são as reais melhorias 

Com a agricultura 4.0 pulverizar se torna muito mais assertivo em relação as pragas, pois por meio dos dados coletados por todos os dispositivos é
possível identificar o local que as pragas estão e devido a isso, automaticamente é possível aplicar os defensivos de forma mais assertiva.

Como está a adaptação dos agricultores 

A agricultura 4.0 exige investimentos em infraestrutura, pois para digitalizar é necessário o investimento em dispositivos, diante disso, ainda em áreas rurais em que a telecomunicação ainda é escassa. No entanto, existe solução, porém, arcar com o custo de instalações de novas antenas de transmissão pelo País ainda é um ponto crucial entre fazendeiros, governo e as empresas de telecomunicação. Por fim, sem estes investimentos a agricultura 4.0 ainda sofre para ter um crescimento potencial no Brasil. Algumas redes 4G criadas pelo CPQD (Centro de Pesquisa e Desenvolvimento em Telecomunicações) vem sendo testadas em fazendas no Brasil, porém, ainda levará alguns anos para a finalização.

Em 2020 como a agricultura 4.0 está agindo?

Dólar alto, pandemia do COVD-19, esse é a atual realidade em 2020. Porém, no setor do agronegócio, principalmente com a soja, esse cenário está sendo benéfico já que aumentaram as exportação, devido a moeda americana estar no patamar de 5,60.
Portanto, a utilização da agricultura 4.0 em 2020 é na realidade uma grande aliada para aumentar a produtividade e diminuir custos, por exemplo na pulverização estima-se que haja uma redução de 20% de insumos, devido ao controle corretos dos locais onde existem pragas.

E para o futuro o que se espera da agricultura 4.0?

Para o futuro espera-se que a agricultura torne-se autônoma ou seja, independente. Diante disso, com os equipamentos conectados e por meio de inteligências artificiais
tudo se tornará automático, até mesmo as tomadas de decisões. Ficando com o agricultor apenas o acompanhamento do processo.

Diante de tudo que foi mencionado, a Implemar é parceira da revolução tecnológica no campo, fornecendo sempre as melhores peças para garantir o pulverizador trabalhando e mantendo a leitura correta da localidade das pragas. Conheça abaixo algumas de nossas Categorias  neste link: https://www.implemar.com.br/produtos/categorias/

Tags:
Fonte:
Implemar Peças Agrícolas

RECEBA NOSSAS NOTÍCIAS DE DESTAQUE NO SEU E-MAIL CADASTRE-SE NA NOSSA NEWSLETTER

Ao continuar com o cadastro, você concorda com nosso Termo de Privacidade e Consentimento e a Política de Privacidade.

0 comentário