Fala Produtor - Mensagem

  • PAULO ROBERTO RENSI BANDEIRANTES - PR 15/03/2019 02:25

    A população brasileira sofre por opção. O sofrimento tem várias camadas e, essas camadas se projetam nas chamadas instituições públicas.
    BraZil, tenha dó do seu povo!
    Sei que sociopatas não tem sentimento de pena, Mas, é o único meio que me resta, pedir. Qualquer outra atitude vai ser vista como um ato criminoso pois, suas excelências têm a fábrica das leis, normas e, o poder do "entendimento". Ou seja, interpreta a lei diferentemente em cada caso.
    Veja o caso da "Suprema Corte". Celso de Mello foi indicado por José Sarney; Marco Aurélio, por Collor de Mello; Gilmar Mendes, por FHC; Lewandowski e Toffoli, por Lula; e Alexandre de Moraes, por Michel Temer.
    E, como foi o resultado da votação de hoje sobre a competência exclusiva da Justiça Eleitoral para julgar casos de crimes comuns em que houver crime eleitoral envolvido, começa a "fechar a janela de combate à corrupção política que se abriu há 5 anos" com a Lava Jato. Os seis votos favoráveis são dos citados acima.
    Não deve-se esquecer que Alexandre de Moraes é muito ligado a FHC, que tem infinitos filigranas com o petismo. A imagem (falsa) que mostravam à população, que eram opositores, chegando ao cumulo de em alguns momentos se autodenominarem inimigos políticos.
    Mas, como o tempo é o melhor detergente, a sujeira está sendo colocada à mostra.
    Ah! Falando em "Suprema Corte".
    Para que ela serve mesmo???

    0
    • TIAGO GOMESGOIÂNIA - GO

      E os que votaram no outro sentido todos foram indicados pelo PT. São os que mais foram acgincalhados quando indicados como do exército bolivariano. Mas, convenhamos juridicamente a decisão foi correta, temos de botar o congresso, supostamente renovado, para alterar pontos da constituição ou das leis que permitiram isso. Jogamos toda a culpa do mundo no STF e deputados e senadores se esquivar, enquanto o Deltan do MPF esperneia dizendo que estão querendo acabar com a lava jato. No caso, infelizmente a decisão foi técnica e correta.

      8
    • RODRIGO POLO PIRESBALNEÁRIO CAMBORIÚ - SC

      Tiago, você vem aqui de novo distorcer tudo. Isso sempre foi um jogo de cartas marcadas, é tudo combinado, e militantes como você, conscientes ou não, ficam divulgando essas falsidades como se o PT fosse um partido honesto.

      4
    • TIAGO GOMESGOIÂNIA - GO

      Rodrigo, concordo contigo ... O PT não é honesto, por isso nao voto neleS desde a primeira eleicao de Lula, ops votei duas vezes para um deputado deles nesse periodo. Pode ter tido e houve articulações de ministros do STF, mas com dispositivos legais amparando, enquanto que Barroso por exemplo jogou para galera em seu discurso pouco fundamentado. A própria PGR Raquel DODGE que é bem legalista minimizou essa suposta derrota, já a turma de Curitiba resumiu a dizer que querem acabar com a lava jato. Repito temos de aproveitar o congresso supostamente renovado e um super ministro da justica para alterarmos leis e até dispositivos da constituição para não dar margem para coisas como o ocorrido. Estamos delegando coisas para o STF que nao é função dele como salvar a lava jato. Vejo muito mais responsabilidade do congresso em viabilizar a continuidade do combate à corrupção do que o STF. Mas nessa barbárie institucional que vivemos jogamos a bomba para o STF, alias muitos parlamentares assim fizeram. Quanto aos que votaram supostamente a favor da lava jato foi ironia sim, afinal esses ministros foram depenados em outros tempos por serem supostos comunistas bolivarianos. Fica a dica, observemos mais as decisões de Celso de Melo ele é o menos influenciavel, mais tecnico.

      2
    • RODRIGO POLO PIRESBALNEÁRIO CAMBORIÚ - SC

      Tiago, a Raquel Dodge é tão legalista que impediu a investigação sobre o Gilmar Mendes, ele próprio se acha acima da lei. E vemos aqui como a inversão pode alterar o sentido, ninguém delegou poderes ao STF para salvar a lava jato, não é função do poder judiciário legislar e eles legislam a um bom tempo, a pauta do STF desse ano é toda para legislar. E isso não é constitucional. A acusação que pesa sobre o STF é a de ajudar a DESTRUIR a lava jato para salvar os corruptos. Isso é inegável.

      3
    • PAULO ROBERTO RENSIBANDEIRANTES - PR

      Sr. Tiago, sou um "não letrado" no campo do direito. Por isso primo em andar direito para não ser interpelado pelos que vivem do direito. Mas, esse país é uma tremenda "caixinha de surpresas" e, depois de velho cai no alçapão. Vivo a duras penas, não tanto financeira mas, psicológica pois, essa seara do direito é um campo minado. ... ... Veja que estou usando termos da regra eufemística, porque se for me expressar nos verbos e adjetivos de um velho matuto, é certeza que a "alma santa" vai censurar o comentário. ... ... ... Mas, vamos ao busílis; você cita o ministro Celso de Melo, que é mais técnico e menos influenciável. .... ... Vejo que aí, há um grande eufemismo. ... ... Então você concorda que na "Suprema Corte" há julgamento parcial, ou seja, bandido protegendo bandido. ... ... Quando falo das "instituições", essas porcarias foram arquitetadas não pelos eleitores mas, pelos eleitos e, nesse universo de eleitos, sempre vai haver uma corja que vai puxar, para que a lei os proteja. E, quando vai ser decretada, ninguém dá valor para a última frase do decreto. ... ... Você que "mede" o índice técnico de ministro deveria ter gritado quanto a essa "sutileza" ...... ... Ah! Você não pois reparo! .. ... ... A frase é ... ... ... REVOGAM-SE DISPOSIÇÕES EM CONTRÁRIO ... ... ... Esse é o PESO DA LEI !!!

      0