Falsa-medideira: 8 fatos para combater a lagarta de forma eficiente

Publicado em 28/12/2016 09:08
288 exibições

As lagartas falsa-medideira são da espécies Chrysodeixis includens e recebem este nome por causa da maneira como se movimentam. Elas se deslocam de uma forma que é conhecida como “mede-palmo”. Isso significa que para movimentarem, as lagartas encolhem o corpo e formam um arco e depois esticam na direção que querem se deslocar. Mas de onde vem o “falsa” no nome popular? Na verdade, existe um outro tipo de lagarta que se movimenta de forma parecida. Elas são conhecidas como “verdadeiras medideiras” e são da família Geometridae.

A falsa-medideira é um inseto polífago, ou seja, se alimenta de vários tipos de plantas. “Ocorre em culturas como, soja, algodão, feijão, tomate, tabaco, repolho, quiabo, batata-doce, fumo, amendoim, girassol, entre outras. No Brasil existem relatos de ocorrência em mais de 73 plantas”, conta Jacob Crosariol Netto, pesquisador entomologista do Instituto Mato-grossense do Algodão (IMAmt).

1 – Como identificar o inseto?

Essas lagartas podem ser reconhecidas pela coloração esverdeada. Além disso, na fase larval possuem dois pares de falsas pernas na região abdominal, diferente de outras espécies da mesma família que têm quatro pares de falsas pernas.

2 – Sintomas

As lagartas falsa-medideira se alimentam do limbo foliar, denominação para a superfície das folhas. Elas têm um apetite muito voraz e causam grande desfolha nas plantas. Mas, preferem se alimentar somente do terço inferior, chamado de baixeiro, onde estão as folhas mais velhas. “Ao se alimentar a lagarta consome somente o limbo foliar deixando as nervuras da folha intactas, a folha fica com aspecto rendilhado”, explica Crosariol Netto.

Leia a notícia na íntegra no site do SFAgro

Tags:
Fonte: SFAgro

Nenhum comentário