Ministra da Agricultura e presidentes da CNA e da FAMBRAS participam da abertura de curso online sobre mundo islâmico

Publicado em 05/08/2020 13:54 55 exibições
Primeiro encontro do evento promovido pela CNA e Fambras acontece amanhã

A ministra da Agricultura, Tereza Cristina, o presidente da Confederação da Agricultura e Pecuária do Brasil (CNA), João Martins, e o presidente da Federação das Associações Muçulmanas do Brasil (Fambras), Mohamed Zogbi, participarão da abertura do curso online “O mundo islâmico – oportunidades e desafios para a agropecuária brasileira” amanhã (06), a partir das 9h.

O evento será promovido pela CNA e pela Fambras nos dias 6, 13, 20 e 25 de agosto. Ao final, serão emitidos certificados eletrônicos para os inscritos com participação mínima de 75%. As inscrições são gratuitas e ainda podem ser realizadas clicando aqui.

O curso abordará temas como tendências de consumo de alimentos e bebidas, certificações específicas e atração de investimento direto, além de trazer informações sobre o mercado mundial Halal e oportunidades de negócios.

O mundo islâmico, formado por mais de dois bilhões de consumidores muçulmanos, é o terceiro maior cliente do agronegócio brasileiro. A receita das exportações brasileiras de produtos agropecuários para os países com população de maioria islâmica saltou de US$ 2,2 bilhões, em 1997, para US$ 16,6 bilhões, em 2019. A expectativa é que em 2024, o mercado Halal global atinja US$ 3,2 trilhões.

Encontros - Cada encontro terá 90 minutos de duração e abordará dois módulos temáticos, somando oito assuntos no total. A programação é indicada para profissionais do setor agropecuário, do segmento agroexportador, funcionários do serviço público das áreas de comércio exterior e diplomacia, imprensa, academia e demais interessados.

Ministrado desde 2013, o curso já teve edições no Instituto Rio Branco, em parceria com o Ministério das Relações Exteriores, e na Ordem dos Advogados do Brasil (OAB). A iniciativa tem o apoio da Câmara de Comércio Árabe-Brasileira (CCAB) e da Academia Halal do Brasil.

Tags:
Fonte:
CNA

RECEBA NOSSAS NOTÍCIAS DE DESTAQUE NO SEU E-MAIL CADASTRE-SE NA NOSSA NEWSLETTER

0 comentário