Publicidade

Volume embarcado de carne bovina in natura alcança 81,11 mil toneladas na segunda semana de agosto

Publicado em 18/08/2020 09:09 213 exibições

LOGO nalogo

Nesta segunda-feira (17), a Secretaria de Comércio Exterior do Ministério da Indústria, Comércio e Serviços (SECEX) divulgou que o volume embarcado de carne bovina in natura alcançou 81,11 mil toneladas na segunda semana de agosto. No ano passado, o volume total exportado em agosto foi de 135,1 mil toneladas.

A média diária exportada de carne bovina in natura ficou em 8,11 mil toneladas e teve um aumento de 32,08%, frente aos dados observados em agosto do ano passado. Em 2019, o mês de agosto finalizou com uma média diária embarcada de 6,14 mil toneladas.

De acordo com o analista de mercado da Consultoria Agrifatto, Yago Travagini, a segunda semana foi um pouco pior do que foi observado na primeira semana, mas ainda assim com números bons para o período do mês. “A média diária desta semana ficou em 7,41 mil toneladas, sem contar com o volume exportado na primeira semana”, disse o analista.

Publicidade

A consultoria Agrifatto projeta um volume entre 160 e 175 mil toneladas exportadas durante o mês de agosto/20. Com relação ao destino, a China segue como responsável 50% do volume exportado, mas o Egito está despontando, quase passando Hong Kong como 2º principal destino das nossas vendas.

Nesta segunda semana do mês de agosto, os preços médios ficaram próximos de US$ 4.029,4 mil por tonelada, na qual teve uma queda de 3,46% se comparado com o valor médio negociado no mês de agosto do ano passado que ficou em US$ 4.174,0 mil por tonelada.

“Abaixo dos US$ 4 mil por tonelada é difícil a venda, mas pode ocorrer uma redução nos preços com a china testando compras nos US$ 4,0 mil por toneladas.Os chineses já estão pagando US$ 4,30 mil/tonelada, as indústrias não devem aceitar tanto espaço para queda, a não ser que o dólar fique acima dos R$ 6,00”, apontou.

O valor negociado para a carne bovina até a segunda semana deste mês ficou em US$ 326,8 milhões, mas preço total comercializado durante agosto de 2019 foi de US$ 563,9 milhões. A média diária do valor negociado ficou em US$ 32, 682 milhões na segunda semana de agosto, na qual registrou um avanço de 27,51%, frente ao observado em agosto do ano passado que registrou uma média de US$ 25,632 milhões.

Tags:
Por:
Andressa Simão
Fonte:
Notícias Agrícolas

RECEBA NOSSAS NOTÍCIAS DE DESTAQUE NO SEU E-MAIL CADASTRE-SE NA NOSSA NEWSLETTER

Ao continuar com o cadastro, você concorda com nosso Termo de Privacidade e Consentimento e a Política de Privacidade.

0 comentário