Cafés do Brasil é promovido no exterior

Publicado em 18/03/2011 09:26 368 exibições
Público já pode conferir curiosidades e informações sobre pesquisas, produção e área plantada em site criado na internet. Feira de Houston é primeira etapa de estratégia de comunicação digital
O Ministério da Agricultura, Pecuária e Abastecimento vai promover a marca Cafés do Brasil durante a 23ª Feira da Associação Americana de Cafés Especiais (SCAA), em Houston (Texas), no período de 28 de abril a 1° de maio. “O Brasil será o país tema e temos a oportunidade de reforçar a nossa posição como grande fornecedor de cafés de qualidade”, destaca o secretário de Produção e Agroenergia do Ministério da Agricultura, Manoel Bertone.

Na feira, os produtores de café poderão entrar em contato e realizar negócios com potenciais compradores. A Feira da SCAA, em Houston, é um dos mais importantes eventos mundiais do setor. A ideia é dar informações importantes ao público consumidor sobre as características de produção do café no Brasil e o desenvolvimento da cultura exportadora no mercado internacional.
“Os visitantes vão conhecer as formas de cultivo do café brasileiro e a nossa preocupação com a sustentabilidade na prática da cafeicultura”, informa Bertone. Em 2010, cerca de três milhões de sacas de café foram produzidas no país, de acordo com os procedimentos e padrões ambientais e sociais estabelecidos pelas organizações certificadoras.

Entre as ações de promoção do café brasileiro está um site na internet, disponível no endereço eletrônico https://www.cafesdobrasil.com.br/. Outras ações de comunicação digital para reforçar a marca cafés do Brasil também serão apresentadas nas próximas semanas.

Na página os internautas terão informações, nos idiomas português, inglês e espanhol, sobre produção e área plantada. O evento a ser realizado nos Estados Unidos, bem como curiosidades e o rumo das pesquisas nacionais sobre o setor também serão destaque.

Em 2010, as exportações de café renderam ao Brasil US$ 5,7 bilhões, resultado recorde. O número representa crescimento de 34,7%, em relação ao registrado em 2009, de US$ 4,3 bilhões. Os principais destinos do produto foram os Estados Unidos, com US$ 10,7 milhões, Itália, com US$ 3,7 milhões e Argentina, com US$ 1,7 milhão.
Saiba Mais
O Brasil é o maior produtor e exportador mundial de café. O produto é cultivado em 11 estados, o que envolve cerca de 300 mil produtores, numa área plantada de 2,2 milhões de hectares. A cadeia produtiva é responsável pela geração de mais de oito milhões de empregos.

O café especial (gourmet) precisa ter duas características básicas: ser limpo e naturalmente doce. Para ser considerado desse tipo, depende do perfil do produtor, dos cuidados com a lavoura e da colheita.

Desde 1988, a Associação Americana de Cafés Especiais (SCAA) promove o maior evento de cafés especiais do mundo. A cada ano, é escolhida uma nova cidade americana. O evento tem a participação de expositores de vários países, além de produtores, exportadores, importadores, varejistas, empresários e baristas. Em 2011, a expectativa é que participem da feira cerca de 10 mil pessoas.

Tags:
Fonte:
Mapa

RECEBA NOSSAS NOTÍCIAS DE DESTAQUE NO SEU E-MAIL CADASTRE-SE NA NOSSA NEWSLETTER

0 comentário