Tempo: Frio toma conta da região Sul e geadas podem ocorrer nos próximos dias no RS, PR e SC

Publicado em 01/08/2018 10:57 e atualizado em 02/08/2018 13:41
1932 exibições

Mapa das áreas com previsão de geadas nesta quarta-feira em todo o Brasil - Fonte: Inmet
Mapa das áreas com previsão de geadas nesta quarta-feira em todo o Brasil - Fonte: Inmet

LOGO nalogo

O frio voltou a tomar conta da região Sul do Brasil com influência de uma massa de ar polar. O Inmet (Instituto Nacional de Meteorologia) prevê risco de geada de fraca a moderada intensidade a partir desta quarta-feira (1º) em áreas do Rio Grande do Sul, Santa Catarina e Paraná, único estado que pode ter chuvas durante a semana.

Apesar da condição, o risco de danos em plantações da região é pequeno, segundo o instituto. A região Sul do país tem sido uma das únicas beneficiadas nas últimas semanas com chuvas, já que neste inverno as precipitações se concentraram sobre as extremidades do país, enquanto a secura tomou conta do Brasil central.

Veja o mapa com as temperaturas mínimas para até 72 horas (02/08 a 04/08) em todo o Brasil:

Mapa com as temperaturas mínimas para até 72 horas (02/08 a 04/08) em todo o Brasil - Fonte: Inmet
Fonte: Inmet

"A chuva prevista para ocorrer ao longo dessa semana sobre as áreas produtoras de trigo do Paraná, em especial sobre as regiões norte e noroeste e no sul de São Paulo, não irá reverter as perdas até agora contabilizadas por conta da forte estiagem associada as temperaturas acima da média, mas permitirá que não ocorram novas perdas", noticiou a Climatempo.

Enquanto isso, nos outros estados uma condição mais firme passa a ser vista. "No Rio Grande do Sul e em Santa Catarina, toda a semana será marcada pelo tempo seco e sem previsão de chuva. Com isso, o desenvolvimento das lavouras de inverno, em especial de trigo, será favorecido, já que as últimas semanas foram extremamente chuvosas...", informou a empresa meteorológica.

Veja o mapa com a previsão de precipitação acumulada para até 72 horas (02/08 a 04/08) em todo o Brasil:

Mapa com a previsão de precipitação acumulada para até 72 horas (02/08 a 04/08) em todo o Brasil - Fonte: Inmet
Fonte: Inmet

Na segunda-feira, uma forte chuva de granizo atingiu a cidade de Sengés (PR) e causou danos. Não há relatos de danos em lavouras. De acordo com a Defesa Civil da cidade, mais de 300 casas foram atingidas. As informações são do site G1. O município de Itararé (SP) também registrou granizo no início da semana, mas também sem reflexos no campo.

Mapas do centro de previsão da Administração Oceânica e Atmosférica Nacional (NOAA, na sigla em inglês), nos Estados Unidos, mostram que as chuvas devem diminuir nos próximas sete dias sobre a região Sul e se concentrarem mais sobre áreas centrais do país. Meteorologistas alertam, no entanto, que previsões de longo prazo ainda precisam de confirmação.

Chuva de granizo em Sengés (PR) - Foto: Frederico dAvila Chuva de granizo em Sengés (PR) - Foto: Frederico dAvila Chuva de granizo em Sengés (PR) - Foto: Frederico dAvilaChuva de granizo em Sengés (PR) - Foto: Frederico dAvila Chuva de granizo em Sengés (PR) - Foto: Frederico dAvila Chuva de granizo em Sengés (PR) - Foto: Frederico dAvilaChuva de granizo em Itararé (SP) - Foto: Ricardo Takeda/Reprodução Chuva de granizo em Itararé (SP) - Foto: Jacqueline Almeida/Reprodução

Veja o mapa com a precipitação acumulada para o período de 01 de agosto até 16 de agosto:

Mapa com a precipitação acumulada para o período de 01 de agosto até 16 de agosto - Fonte: National Centers for Environmental Prediction/NOAA
Fonte: National Centers for Environmental Prediction/NOAA

Ainda nesta quarta, o Inmet alerta para a previsão de altos acumulados em áreas de Alagoas, Paraíba, Pernambuco e Rio Grande do Norte. A baixa umidade deve ser registrada em áreas do Distrito Federal, Goiás, Mato Grosso, Minas Gerais e Tocantins.

Canola em Santo Antonio das Missões (RS). Envio do produtor Wilson Ghedini Jr
Canola em Santo Antonio das Missões (RS). Envio do produtor Wilson Ghedini Jr

Lavoura de soja em Roraima. Envio do produtor rural Geison Nicaretta
Lavoura de soja em Roraima. Envio do produtor rural Geison Nicaretta​

Milho safrinha em Aparecida do Rio Negro (TO). Envio do produtor rural Ricardo Backendorf
Milho safrinha em Aparecida do Rio Negro (TO). Envio do produtor rural Ricardo Backendorf

Terreiro de café em Claraval (MG). Envio de Juliano Borges
Terreiro de café em Claraval (MG). Envio de Juliano Borges​

Colheita de Milho em Coronel Vivida (PR). Envio de Mateus Capelin
Colheita de Milho em Coronel Vivida (PR). Envio de Mateus Capelin​

Envie sua foto ou vídeo! Fale com a gente pelo WhatsApp (19) 99767-0241

» Clique e veja mais informações na página de Clima e acompanhe cinco satélites em tempo real

Por: Jhonatas Simião
Fonte: Notícias Agrícolas

0 comentário