Tempo: Tempestades são previstas em áreas da região Sul do Brasil nesta 5ª com aumento das instabilidades

Publicado em 13/09/2018 11:40

LOGO nalogo

Áreas de instabilidade vindas do Paraguai e da Argentina avançaram sobre o Brasil e aumentaram consideravelmente sobre áreas do Sul do país nas últimas horas. Com isso, são previstas chuvas fortes nos três estados da região nesta quinta-feira (13) e elas devem durar pelo menos até a próxima segunda-feira (17).

Segundo o Inmet (Instituto Nacional de Meteorologia), são esperadas tempestades na faixa Oeste do Sul e altos acumulados em praticamente toda a região. A chuva ficará entre 30 e 60 milímetros por hora ou 50 e 100 mm/dia, ventos intensos (60-100 Km/h), e queda de granizo. Há riscos na cidade e no campo com a condição.

"Uma acentuada queda da pressão atmosférica continua ocorrendo entre o Paraguai e o Sul do Brasil nas próximas 48 horas, o que vai fortalecer e aumentar as áreas de instabilidade. Nesta próxima sexta-feira e também no fim de semana, os três estados podem ter temporais, mas o risco é maior para áreas do Paraná e de Santa Catarina", disse a Climatempo.

Veja o mapa com a previsão de precipitação acumulada para até 72 horas (14/08 a 16/09) em todo o Brasil:

Mapa com a previsão de precipitação acumulada para até 72 horas (14/08 a 16/09) em todo o Brasil - Fonte: Inmet
Fonte: Inmet

Bons volumes de chuva foram registrados nos últimos dias no Sul do país. Essa condição e o fim do vazio sanitário na última segunda-feira (10) fizeram com que produtores iniciassem o plantio da safra 2018/19 de soja. Até o momento, a umidade no solo é suficiente para realizar a semeadura da cultura.

De acordo com o presidente do Sindicato Rural de Guairá (PR), Silvanir Rosset, os agricultores no estado iniciaram os trabalhos de campo. "As primeiras áreas cultivadas na nossa região costumam ser mais favorecidas. Nós temos muito umidade no solo e apresenta condições ideias para o plantio", afirma.

O vazio sanitário no Mato Grosso e Mato Grosso do Sul se encerra no dia 15 de setembro e em Goiás e em Minas Gerais no dia 30. Segundo mapa de umidade do solo em áreas do Brasil, a região Sul é a que tem condição mais favorável de quantidade de água disponível no solo, enquanto que no Brasil central a condição segue bastante delicada.

Veja o mapa das áreas com água disponível no solo em todo o Brasil:

Mapa de água disponível no solo em todo o Brasil - Fonte: Climatempo

Fonte: Climatempo

Veja o mapa das áreas com previsão de tempestades nesta 5ª feira:

Mapa das áreas com previsão de tempestades nesta 5ª feira - Fonte: Inmet
Fonte: Inmet

Aviso para as áreas: Campanha, Oeste Catarinense, Planalto Sul Catarinense, Serra Do Sudeste, Depressão Central, Encosta Inferior Do Nordeste, Encosta Superior Do Nordeste, Campos De Cima Da Serra, Planalto Médio, Missões, Alto Uruguai, Central Paranaense, Oeste Paranaense, Sudoeste Paranaense, Sul Paranaense, Meio-Oeste Catarinense

Veja o mapa das áreas com previsão de altos acumulados nesta 5ª feira:

Mapa das áreas com previsão de altos acumulados nesta 5ª feira - Fonte: Inmet
Fonte: Inmet

Aviso para as áreas: Planalto Norte Catarinense, Campanha, Metropolitana De Curitiba, Oeste Catarinense, Vale Do Itajai, Grande Florianópolis, Planalto Sul Catarinense, Litoral Sul Catarinense, Encosta Do Sudeste, Serra Do Sudeste, Depressão Central, Encosta Inferior Do Nordeste, Encosta Superior Do Nordeste, Campos De Cima Da Serra, Planalto Médio, Missões, Alto Uruguai, Central Paranaense, Litoral Paranaense, Oeste Paranaense, Sudoeste Paranaense, Sul Paranaense, Litoral Gaúcho, Meio-Oeste Catarinense, Litoral Norte Catarinense

Ainda nesta quinta-feira, segundo o Inmet, a baixa umidade deve ser registrada em áreas do Distrito Federal, Goiás, Mato Grosso, Minas Gerais e Tocantins.

Tendência de previsão estendida para todo o Brasil

Segundo o mapa do centro de previsão da Administração Oceânica e Atmosférica Nacional (NOAA, na sigla em inglês), nos Estados Unidos, a tendência no período de 13 a 21 de setembro é de chuvas na região Norte, Sul e em áreas do Sudeste e Centro-Oeste. No final do mês, as chuvas voltam a ficar restritas aos extremos do país.

Veja o mapa com a precipitação acumulada para o período de 13 de agosto até 29 de setembro:

Mapa com a precipitação acumulada para o período de 13 de agosto até 29 de setembro - Fonte: National Centers for Environmental Prediction/NOAA
Fonte: National Centers for Environmental Prediction/NOAA

Início do plantio de soja na Estância Irber em Pranchita (PR). Envio de Simone Bieger
Início do plantio de soja na Estância Irber em Pranchita (PR). Envio de Simone Bieger

Soja em Lagoa Vermelha (RS). Envio de Carlos Dellavalle Filho
Soja em Lagoa Vermelha (RS). Envio de Carlos Dellavalle Filho

Plantio de milho em Nova Prata do Iguaçu (PR). Envio de Deoclecio Galuppo.
Plantio de milho em Nova Prata do Iguaçu (PR). Envio de Deoclecio Galuppo.​

Colheita de Trigo da Família Gris
Colheita de Trigo da Família Gris "Santuário N S Salete" em Palotina PR. Envio de Edmilson Zabott.

Cultivo de trigo 2018 em Nova Toledo - Paraguay. Envio de Nilson Kohler
Cultivo de trigo 2018 em Nova Toledo - Paraguay. Envio de Nilson Kohler​

Envie sua foto ou vídeo! Fale com a gente pelo WhatsApp (19) 99767-0241

» Clique e veja mais informações na página de Clima e acompanhe cinco satélites em tempo real

Por:
Jhonatas Simião
Fonte:
Notícias Agrícolas

RECEBA NOSSAS NOTÍCIAS DE DESTAQUE NO SEU E-MAIL CADASTRE-SE NA NOSSA NEWSLETTER

Ao continuar com o cadastro, você concorda com nosso Termo de Privacidade e Consentimento e a Política de Privacidade.

0 comentário