Tempo: Semana termina com previsão de chuvas fortes em quase toda a região Central do Brasil

Publicado em 19/10/2018 12:05 e atualizado em 22/10/2018 11:06
1874 exibições

Imagem de satélite de todo o Brasil nesta quinta-feira (19) - Fonte: Inmet
Imagem de satélite de todo o Brasil nesta sexta-feira (19) - Fonte: Inmet

LOGO nalogo

Áreas de instabilidade aumentaram bastante sobre localidades da faixa Central do Brasil com um sistema de baixa pressão em atuação nas proximidades do Centro-Oeste e uma frente fria que passa pela região Sudeste. Com isso, há alerta de chuvas fortes e até tempestades em praticamente todo Brasil Central nesta sexta-feira (19), com riscos na cidade e nas plantações no campo. 

Veja o mapa das áreas com alerta de chuvas fortes nesta sexta-feira:

Mapa das áreas com alerta de chuvas fortes nesta sexta-feira - Fonte: Inmet
Fonte: Inmet

Para a região Centro-Oeste, o Inmet (Instituto Nacional de Meteorologia) emitiu três alertas. Em áreas do Centro-Sul Mato-Grossense e todo o estado de Goiás e Distrito Federal são previstas nas próximas horas chuvas intensas entre 30 e 60 milímetros por hora ou 50 e 100 mm/dia, ventos intensos (60-100 Km/h). Há risco de corte de energia elétrica, queda de galhos de árvores, alagamentos e de descargas elétricas.

Já em praticamente todo o Mato Grosso do Sul e Sul do Mato Grosso, as chuvas ficam entre 20 e 30 mm/h ou até 50 mm/dia, ventos intensos (40-60 Km/h). É baixo risco de corte de energia elétrica, queda de galhos de árvores, alagamentos e de descargas elétricas. Essa condição também atinge áreas do Norte do país, como em partes dos estados de Tocantins e também Rondônia.

Apesar de as chuvas fortes poderem atrapalhar pontualmente os trabalhos de plantio da safra de verão, que ainda ocorrem em alguns estados do país, as precipitações ainda tendem a ser irregulares, mas ao mesmo tempo devem contribuir para que os solos se mantenham com bons níveis de umidade com favorecimento tanto para a continuidade do plantio da soja e do milho 1ª safra, quanto o desenvolvimento das lavouras. 

Veja o mapa com a previsão de precipitação acumulada para até 72 horas (20/10 a 22/10) em todo o Brasil:

Mapa com a previsão de precipitação acumulada para até 72 horas (20/10 a 22/10) em todo o Brasil - Fonte: Inmet
Fonte: Inmet

Já no Sudeste, as chuvas mais fortes caem sobre Minas Gerais, com alerta de precipitações intensas entre 20 e 30 mm/h ou até 50 mm/dia, ventos intensos (40-60 Km/h) na região Central e Norte do estado mineiro. No entanto, segundo o Inmet, é baixo o risco de corte de energia elétrica, queda de galhos de árvores, alagamentos e de descargas elétricas.

No Triângulo Mineiro as chuvas serão mais fortes, com acumulados entre 30 e 60 mm/h ou 50 e 100 mm/dia, ventos intensos (60-100 Km/h). Nessas localidades, aumentam os riscos de corte de energia elétrica, queda de galhos de árvores, alagamentos e de descargas elétricas. Portanto produtores de café com lavouras em plena florada devem ficar atentos.

De acordo com mapas do Inmet, nas últimas 24 horas os acumulados mais localizados do país foram na região Sul, que ainda pode receber precipitações nesta sexta-feira com o tempo fechado em diversas áreas. Os cinco maiores acumulados do país ontem foram em Santo Augusto (RS): 88,0 mm, São Lourenço (MG): 79,0 mm, Chapadinha (MA): 59,4, Erechim (RS): 59,0 mm e Ourinhos (SP): 56,6 mm. 

Veja o mapa das áreas com a precipitação acumulada nas últimas 24 horas em todo o Brasil:

Mapa das áreas com a precipitação acumulada nas últimas 24 horas em todo o Brasil - Fonte: Inmet
Fonte: Inmet

» Clique e veja mais informações na página de Clima e acompanhe cinco satélites em tempo real

Por: Jhonatas Simião
Fonte: Notícias Agrícolas

Nenhum comentário