Tempo: Instabilidades seguem no Centro-Norte e região do Matopiba tem alerta de chuvas de chuvas intensas nesta 5ª feira

Publicado em 06/12/2018 11:02 e atualizado em 06/12/2018 15:08
1176 exibições

Imagem de satélite de todo o Brasil nesta quinta-feira (06) - Fonte: Inmet
Imagem de satélite de todo o Brasil nesta quinta-feira (06) - Fonte: Inmet

Instabilidades seguem em atuação em quase toda a faixa Centro-Norte do país, mas com destaque para a região Nordeste e do Matopiba, áreas que voltam a ter alerta de chuvas fortes nesta quinta-feira (06). Precipitações seguem pelo menos até o final de semana.

De acordo com o Inmet (Instituto Nacional de Meteorologia), diversos estados da região Nordeste e Norte do Brasil terão chuvas fortes ao longo do dia, dentre eles quase todos os correspondentes à região produtora do Matopiba (Maranhão, Tocantins, Piauí e Bahia).

Em quase todo o estado do Amapá, Pará e Maranhão são previstas chuva entre 30 a 60 milímetros por hora ou 50 a 100 mm/dia. Com a condição de instabilidade, há o risco de alagamentos, deslizamentos de encostas, transbordamentos de rios, em cidades com tais áreas de risco.

Veja o mapa das áreas com alerta de acumulado de chuva nesta 5ª feira:

Mapa das áreas com alerta de acumulado de chuva nesta 5ª feira - Fonte: Inmet
Fonte: Inmet

Aviso para as áreas: Nordeste Paraense, Sudeste Paraense, Marajo, Baixo Amazonas, Sudoeste Paraense, Metropolitana De Belem, Sul Do Amapa, Norte Do Amapa, Oeste Maranhense, Leste Maranhense, Norte Maranhense, Sul Maranhense, Centro Maranhense, Jalapão

Na Bahia, Piauí e em partes do Ceará, Pernambuco, Paraíba e Sergipe são esperadas chuvas intensas, entre 20 e 30 mm/h ou até 50 mm/dia, ventos intensos (40-60 Km/h). É baixo o risco de corte de energia elétrica, queda de galhos de árvores, alagamentos e de descargas elétricas.

Veja o mapa das áreas com alerta de chuvas intensas nesta 5ª feira:

Mapa das áreas com alerta de chuvas intensas nesta 5ª feira - Fonte: Inmet
Fonte: Inmet

Aviso para as áreas: Sul E Cariri Cearense, Sudeste Piauiense, Centro-Norte Piauiense, Sudoeste Piauiense, Norte Piauiense, Norte Cearense, Noroeste Cearense, Centrossul Cearense, Sertao Paraibano, Sao Francisco Pernambucano, Agreste Pernambucano, Sertao Alagoano, Leste Sergipano, Agreste Sergipano, Sertao Sergipano, Chapada Diamantina, Nordeste Baiano, Norte Baiano, Sul Baiano, Oeste Baiano, Recôncavo Baiano, Sertão Cearense, Jaguaribe Cearense, Sertão De Pajeú E Do Araripe Pernambucano, São Francisco Baiano, Sudoeste Baiano

Veja mais:
» Estados do Sul e MS seguem sem chuvas até a próxima quarta-feira (12). No Matopiba, as chuvas intensas continuam

As instabilidades aumentaram nos últimos dias sobre a faixa Centro-Norte do país em meio a atuação do vórtice ciclônico de alto níveis (VCAN). "É um sistema meteorológico típico do verão e tem muita influência no aumento e na diminuição de áreas de instabilidade em particular sobre o Nordeste do Brasil", informa a Climatempo.

"Quando o centro deste vórtice fica no mar, próximo da costa do Nordeste, como acontece nesta semana, os ventos mais persistentes nas áreas mais afastadas do centro do VCAN instabilizam a atmosfera, favorecendo o aumento da nebulosidade e da chuva", complementou a empresa meteorológica.

Segundo dados de precipitação acumulado do Inmet, nas últimas 24 horas, diversas cidades do Centro-Norte tiveram altos acumulados. Os cinco maiores foram registrados em Conceição do Araguaia (PA): 137,0 mm, Curaça (BA): 89,6 mm, Gilbués (PI): 85,0 mm, Matupa (MT): 67,5 mm e Tucumã (PA): 67,0 mm.

Veja o mapa com a previsão de precipitação acumulada para até 72 horas (07/12 a 09/12) em todo o Brasil:

Mapa com a previsão de precipitação acumulada para até 72 horas (07/12 a 09/12) em todo o Brasil - Fonte: Inmet
Fonte: Inmet

Mais precipitações ainda podem ocorrer nos próximos dias sobre o Centro-Norte do país. Segundo o modelo Cosmo do Inmet, as chuvas seguirão mais localizadas nessas localidades pelo menos até o início da próxima semana. Produtores devem ficar atentos com a condição para realizar ações necessárias de manejo nas pausas das chuvas.

"Nas próximas 48 horas, até a sexta-feira, 7 de dezembro, o centro do VCAN deve se deslocar aproximando-se mais do Nordeste. Isto vai fazer com que as áreas de instabilidade enfraqueçam. Mas na sexta-feira, 7 de dezembro, outra frente fria chega ao litoral sul da Bahia e vai intensificar novamente as áreas de instabilidade", destacou a Climatempo.

Veja o mapa de precipitação acumulada nas últimas 24 horas em todo o Brasil:

Mapa de precipitação acumulada nas últimas 24 horas em todo o Brasil - Fonte: Inmet
Fonte: Inmet

Vento forte derrubou árvores em Xavier da Silva - Itaiópolis (SC). Envio de Paulo Marcelo Adamek
Vento forte derrubou árvores em Xavier da Silva - Itaiópolis (SC). Envio de Paulo Marcelo Adamek

Vento forte derrubou árvores em Xavier da Silva - Itaiópolis (SC). Envio de Paulo Marcelo Adamek
Vento forte derrubou árvores em Xavier da Silva - Itaiópolis (SC). Envio de Paulo Marcelo Adamek​

Monitoramento e comércio futuro da lavoura de soja em Hidrolândia (GO). Envio Comercial, Leonardo Duarte e Agrônoma, Ana Carolina
Monitoramento e comércio futuro da lavoura de soja em Hidrolândia (GO). Envio Comercial, Leonardo Duarte e Agrônoma, Ana Carolina

Primeira aplicação de fungicida na soja em Ponte Preta (RS). Envio do técnico agrícola Marcos Tortelli
Primeira aplicação de fungicida na soja em Ponte Preta (RS). Envio do técnico agrícola Marcos Tortelli

Lavoura de soja da família Trevisan em Capanema (PR). Envio de Elecir Trevisan.
Lavoura de soja da família Trevisan em Capanema (PR). Envio de Elecir Trevisan.​

Envie sua foto ou vídeo! Fale com a gente pelo WhatsApp (19) 99767-0241

» Clique e veja mais informações na página de Clima e acompanhe cinco satélites em tempo real

Por: Jhonatas Simião
Fonte: Notícias Agrícolas

Nenhum comentário