Tempo: Urupema (SC) tem geada, mas temperaturas no Sul voltam a subir a partir desta 4ª; chuvas seguem no Centro-Norte

Publicado em 10/04/2019 10:35 e atualizado em 10/04/2019 11:05
419 exibições

Imagem de satélite de todo o Brasil nesta quarta-feira (10) - Fonte: Inmet
Imagem de satélite de todo o Brasil nesta quarta-feira (10) - Fonte: Inmet

LOGO nalogo

As temperaturas na região Sul do Brasil caíram nos últimos dias com a passagem do ar polar, que também avançou sobre alguns locais do Centro-Oeste de forma menos intensa. Urupema (SC) teve registro de geada com uma das primeiras temperaturas negativas do país, mas o tempo começa a esquentar.

O estado de Santa Catarina teve o primeiro registro de temperaturas negativas entre segunda (08) e terça-feira (09). A cidade de Urupema registrou -0,2°C durante a madrugada de terça-feira com registro de geada, segundo imagens de moradores, mas outras cidades da região Sul tiveram temperaturas baixas.

Até o momento, não há informações de danos em lavouras com as geadas na cidade.

Geada em Urupema (SC) - Foto: Marcelo Muniz Geada em Urupema (SC) - Foto: Marcelo Muniz Geada em Urupema (SC) - Foto: Mycchel Legnaghi/São Joaquim OnlineGeada em Urupema (SC) - Foto: Mycchel Legnaghi/São Joaquim Online Geada em Urupema (SC) - Foto: Mycchel Legnaghi/São Joaquim Online

De acordo com dados do Ciram, órgão de previsão do tempo do governo do estado de Santa Catarina, até às 7h de terça-feira, outras cidades tiveram baixas temperaturas no estado, mas positivas. Urubici (SC) registrou 0,4°C, São Joaquim (SC): 3,7°C, Bom Jardim da Serra (SC): 5,0°C e Bom Retiro (SC): 6,2°C.

Veja o mapa com a previsão de temperatura mínima para até 72 horas (10/04 a 13/04) em todo o Brasil:

Mapa com a previsão de temperatura mínima para até 72 horas (10/04 a 13/04) em todo o Brasil - Fonte: Inmet
Fonte: Inmet

O Inmet (Instituto Nacional de Meteorologia) também registrou em suas estações meteorológicas baixas temperaturas sobre a região Sul do país, mas sem registro de dados negativos. As três menores mínimas em todo o país ontem foram em São Joaquim (SC): 4,5°C, Bom Jardim da Serra (SC): 4,7°C e Vacaria (RS): 7,7°C.

O frio também avançou por outras regiões do país, mas de forma menos intensa do que sobre o Sul. Áreas de Mato Grosso do Sul e de São Paulo também sentiram as baixas temperaturas nos últimos dias, mas assim como no Sul o ar frio começa a enfraquecer a partir desta quarta-feira e pode voltar a chover.

"O estado de Mato Grosso do Sul fica sob a influência de ar seco nesta quarta-feira. Isto dificulta a formação de nuvens carregadas e a ocorrência de chuva em todo o estado. A semana segue com muito sol e calor, principalmente no período da tarde", destacou a Climatempo.

O modelo Cosmo aponta que a região Sul do Brasil ainda pode ter tempo frio nesta quarta-feira, mas com poucas chances de temperaturas negativas. Na quinta-feira, os pontos de ocorrência de frio diminuem ainda mais e se concentram mais ao Leste dos estados do Sul e partes do Sudeste e diminuem gradativamente.

Veja o mapa com a previsão de precipitação acumulada para até 72 horas (11/04 a 13/04) em todo o Brasil:

Mapa com a previsão de precipitação acumulada para até 72 horas (11/04 a 13/04) em todo o Brasil - Fonte: Inmet
Fonte: Inmet

Os mapas de previsão do tempo apontam que as chuvas volumosas nesta quarta-feira ficarão mais concentradas sobre áreas do Matopiba (Maranhão, Tocantins Piauí e Bahia) e pontos do Centro-Oeste. Na maior parte do Centro-Sul do país uma condição mais firme ainda será vista.

"Em Mato Grosso, Goiás e no Distrito Federal, o calor e a alta umidade do ar irão favorecer o crescimento de nuvens e as pancadas de chuva que podem vir acompanhadas de raios", destacou a Climatempo. Mesmo com o sol, pontos desses estados podem ter pancadas a qualquer hora do dia.

O Inmet ainda mantém nesta quarta-feira o alerta de acumulado de chuva para áreas de Amazonas, Pará, Minas Gerais e Rio de Janeiro, além de tempestade sobre outros pontos do Espírito Santo e Rio de Janeiro e chuvas intensas em Minas Gerais.

De acordo com o mapa de previsão de chuvas do Inmet para os próximos sete dias, altos volumes devem seguir sobre áreas do Centro-Norte do país, com destaque para volumes acima de 150 mm em pontos do Centro-Oeste, Norte e Sudeste. Nesta nova atualização, o modelo traz chuvas menos volumosas para o Nordeste.

Veja o mapa de precipitação acumulada dos próximos 7 dias no Brasil:

Mapa de precipitação acumulada dos próximos 7 dias no Brasil - Fonte: Inmet
Fonte: Inmet

Previsão estendida de chuvas para o Brasil

De acordo com o mapa de previsão estendida do centro de previsão da Administração Oceânica e Atmosférica Nacional (NOAA, na sigla em inglês), no período de 10 até 18 de abril, as chuvas mais volumosas caem sobre áreas da faixa Centro-Norte do país, mas diminuem em pontos do Nordeste e Sul.

De 18 até 26 de abril, as precipitações voltam a se concentrar mais sobre áreas do Centro-Norte do Brasil, mas áreas do Sudeste e pontos centrais do país passam a ter uma condição mais firme.

Veja o mapa com a tendência de precipitação acumulada para o período de 10 de abril até 26 de abril:

Mapa com a tendência de precipitação acumulada para o período de 10 de abril até 26 de abril - Fonte: National Centers for Environmental Prediction/NOAA
Fonte: National Centers for Environmental Prediction/NOAA

» Clique e veja mais informações a página de Clima e acompanhe cinco satélites em tempo real

Por: Jhonatas Simião
Fonte: Notícias Agrícolas

Nenhum comentário