Frango Vivo: Demanda pressiona e cotações encerram mais um dia estável

Publicado em 31/08/2016 18:25
74 exibições

As cotações do frango vivo no mercado independente encerram nesta quarta-feira (31) sem alterações. Desacelerando o processo de recuperação observada no início de agosto, o mês encerra novamente em queda.

Na segunda-feira (29) as praças de São Paulo e Minas Gerais anotaram baixas significativas, voltando a trabalhar com referência de R$ 3,15/kg e R$ 3,30/kg, respectivamente.

E mesmo com o recuo recente, - que segundo o analista da Safras & Mercado, Fernando Henrique Iglesias, é natural para o período do mês -, em agosto foi registrado a melhor relação de troca com a principal matéria-prima: o milho.

Com a combinação de baixa no preço de cereal e alta do frango vivo, na média do mês, foi possível adquirir 4,1 toneladas de milho, volume 46% superior ao registrado apenas três meses atrás, segundo dados do AviSite.

De acordo com boletim semanal do Cepea, as especulações sobre a possível a aprovação de parecer da Comissão Técnica Nacional de Biossegurança (CTNBio) sobre importação de milho pressionou as cotações nos últimos dias, favorecendo os custos de produção nas granjas.

Em termos de preços a Scot Consultoria estima que o mercado deva permanecer estável nesta virada de mês, "com certa resistência a novos aumentos", explica em nota.

» Acesse na íntegra as cotações do mercado de frango

Por: Larissa Albuquerque
Fonte: Notícias Agrícolas

Nenhum comentário