Milho: Com suporte na demanda, preços operam com leves ganhos na CBOT; março/15 se aproxima dos US$ 4,00 por bushel

Publicado em 08/12/2014 12:16 e atualizado em 08/12/2014 17:12 175 exibições

Durante os negócios desta segunda-feira (8), os futuros do milho na Bolsa de Chicago (CBOT) reverteram as perdas e voltaram a operar em campo positivo. Por volta das 12h42 (horário de Brasília), as principais posições da commodity exibiam ligeiras altas entre 1,00 e 1,50 pontos, O vencimento março/15 era cotado a US$ 3,96 por bushel. 

De acordo com informações reportadas pelo site internacional Farm Futures, os preços do cereal tentam se manter mais altos na sessão de hoje. O mercado opera de maneira tranquila nesse início de semana, isso porque, os investidores já começam a se posicionar para o novo boletim de oferta e demanda do USDA (Departamento de Agricultura dos Estados Unidos), que será divulgado na próxima quarta-feira (10).

A expectativa inicial é que o departamento norte-americano mantenha os números das exportações e da oferta, estimados em 44,45 milhões de toneladas e 365,67 milhões de toneladas, respectivamente. Entretanto, os participantes do mercado apostam em um aumento na projeção para a produção de etanol.

Em seu último relatório, o USDA apontou a produção de etanol nos Estados Unidos em 130,82 milhões de toneladas. Porém, normalmente, o governo espera o boletim de janeiro para fazer grandes ajustes nos números, após atualizar os dados de produção e estoques. 

Paralelamente, o órgão reportou nesta segunda-feira a venda de 136 mil toneladas de milho para o Japão. O volume deverá ser entregue na temporada 2014/15. Ainda hoje, o USDA deve reportar o boletim de embarques semanais, importante indicador da demanda. 

BM&F Bovespa

Na BM&F Bovespa, os futuros do milho trabalham em campo negativo. Por volta das 12h14 (horário de Brasília), as principais posições do cereal registravam desvalorizações entre 0,84% e 1,12%. O vencimento março/15 era cotado a R$ 29,20 a saca.

O mercado do cereal é pressionado pelo comportamento do dólar, que nesta segunda-feira opera em queda. A moeda norte-americana era negociada a R$ 2,5925 na venda, com perda de 0,03%. Segundo informações do G1, o mercado ainda aguarda mais informações sobre as medidas da nova equipe econômica para enfrentar a inflação alta e o crescimento baixo. 

Tags:
Por:
Fernanda Custódio
Fonte:
Notícias Agrícolas

RECEBA NOSSAS NOTÍCIAS DE DESTAQUE NO SEU E-MAIL CADASTRE-SE NA NOSSA NEWSLETTER

0 comentário