Preços internacionais do milho futuro seguem com poucas movimentações na Bolsa de Chicago

Publicado em 14/01/2020 12:01 e atualizado em 14/01/2020 16:56
163 exibições
B3 registram leves quedas nesta terça-feira

LOGO nalogo

Os preços internacionais do milho futuro seguem com poucas movimentações na Bolsa de Chicago (CBOT) nesta terça-feira (14). As principais cotações registravam flutuações entre 0,50 pontos negativos e 0,50 pontos positivos por volta das 11h35 (horário de Brasília).

O vencimento março/20 era cotado à US$ 3,90 com alta de 0,50 pontos, o maio/20 valia US$ 3,96 com elevação de 0,25 pontos, o julho/20 era negociado por US$ 4,02 com estabilidade e o setembro/20 tinha valor de US$ 4,02 com queda de 0,50 pontos.

Segundo informações do site internacional Barchart, os contratos futuros de milho iniciam a sessão de terça-feira fracionada, com contratos de safras antigas mais altos.

“Os preços futuros fortalecidos incentivaram os agricultores a fazer vendas à vista ontem”, explica a analista de mercado da Farm Futures, Jacqueline Holland.

A Coréia do Sul encomendou 5,4 milhões de bushels de milho dos EUA na segunda-feira para envio na campanha de 2019/20. “Esse é um sentimento positivo pela demanda de milho, já que as exportações para a Coréia do Sul foram reduzidas no último ano civil. Mais de 211 milhões de bushels a menos de milho foram exportados para a Coréia no calendário de 2019 em comparação com 2018”, comenta Holland.

B3

Já a bolsa brasileira operava com leves baixas para as cotações futuras do milho nesta terça-feira. Os principais contratos registravam perdas entre 0,25% e 0,04% por volta das 11h40 (horário de Brasília).

O vencimento janeiro/20 era cotado à R$ 51,85 com queda de 0,08%, o março/20 valia R$ 52,61 com desvalorização de 0,25% e o maio/20 era negociado por R$ 49,13 com perda de 0,04%.

Tags:
Por: Guilherme Dorigatti
Fonte: Notícias Agrícolas

0 comentário