Milho: Chicago mantem leves altas nas cotações, mas preocupação com demanda segue

Publicado em 25/03/2020 12:39 e atualizado em 25/03/2020 16:57
269 exibições
EUA espera queda significativa na demanda por etanol

LOGO nalogo

Os preços internacionais do milho futuro seguem no campo positivo da tabela na Bolsa de Chicago (CBOT) nesta quarta-feira (25). As principais cotações registravam altas entre 1,50 e 2,50 pontos por volta das 12h14 (horário de Brasília).

O vencimento maio/20 era cotado à US$ 3,49 com elevação de 1,75 pontos, o julho/20 valia US$ 3,53 com ganho de 1,50 pontos, o setembro/20 era negociado por US$ 3,58 com alta de 2,25 pontos e o dezembro/20 tinha valor de US$ 3,67 com valorização de 2,50 pontos.

Segundo informações do site internacional Farm Futures, o futuro do milho subiu da noite para o dia, com uma ligeira recuperação nos preços da energia, oferecendo um vislumbre de esperança em diminuir a demanda por etanol.

“O relatório semanal sobre o status do petróleo de hoje provavelmente apresentará uma queda significativa na produção de etanol, uma vez que as usinas em todo o país cortam a produção e os funcionários, já que os baixos lucros em energia diminuem as margens de lucro”, aponta a analista Jacqueline Holland.

B3

Já bolsa brasileira opera em campo misto nesta quarta-feira, mas com a maioria do futuros de milho subindo por volta das 12h13 (horário de Brasília).

O vencimento maio/20 era cotado à R$ 49,05 com alta de 0,93%, o julho/20 valia R$ 46,30 com ganho de 0,33%, o setembro/20 era negociado por R$ 44,05 com valorização de 0,57% e o novembro/20 tinha valor de R$ 45,43 com queda de 0,37%.

Tags:
Por:
Guilherme Dorigatti
Fonte:
Notícias Agrícolas

0 comentário