Imea reduz expectativa para o crescimento na demanda de milho no Mato Grosso

Publicado em 22/04/2020 13:56 213 exibições

LOGO nalogo

O Imea (Instituto Mato-Grossense de Economia Agropecuária) divulgou relatório apontando que o aumento no consumo de milho dentro do estado deve crescer 4,37% com relação a safra 2018/19, alcançando 9,05 milhões de toneladas. Até o final de 2019 esperava-se um considerável aumento, acima de 18%, no consumo de milho destinado às empresas de etanol e à pecuária.

De acordo com a publicação, as estimativas atualizadas do instituto têm como base as reduções de preço do etanol, que comprime as margens das indústrias de etanol de milho e as dúvidas dos pecuaristas quanto ao confinamento no estado, devido também às margens apertadas.

O relatório ainda aponta que 2,60 milhões de toneladas devam ser destinadas para outros estados e outras 20,76 milhões de toneladas encaminhadas para exportação, sustentada pela desvalorização do real que melhora nossa competitividade globalmente. Restando assim um estoque projetado em 0,04 milhões de toneladas no estado.

“De maneira geral, ressalta-se que as mudanças que estão ocorrendo no mundo com a Covid-19 estão afetando sobremaneira a relação de consumo das pessoas e isso certamente impactará nos números de oferta e demanda apresentados nas próximas estimativas até o final destas safras”, diz o Imea.

Confira o relatório completo no site do Imea.

Tags:
Por:
Guilherme Dorigatti
Fonte:
Notícias Agrícolas

RECEBA NOSSAS NOTÍCIAS DE DESTAQUE NO SEU E-MAIL CADASTRE-SE NA NOSSA NEWSLETTER

0 comentário