Milho: semana começa com B3 acompanhando queda do dólar

Publicado em 18/05/2020 09:23 364 exibições
Chicago tem leves ganhos esperando compras chinesas

LOGO nalogo

A segunda-feira (18) começa com poucas movimentações e resultados negativos para os preços futuros do milho na Bolsa Brasileira (B3). As principais cotações registravam perdas de até 0,92% por volta das 09h14 (horário de Brasília).

O vencimento julho/20 era cotado à R$ 46,85 com estabilidade, o setembro/20 valia R$ 45,03 com desvalorização de 0,92% e o novembro/20 era negociado por R$ 48,10 com estabilidade.

As movimentações seguiam a tendência do câmbio nesta manhã. Por volta das 09h22 (horário de Brasília) o dólar caia 1,07% e era cotado à R$ 5,7916.

Mercado Externo

Para os preços internacionais do milho futuro a semana começa com leves altas na Bolsa de Chicago (CBOT). As principias cotações registravam movimentações positivas entre 1,50 e 2,00 pontos por volta das 09h01 (horário de Brasília).

O vencimento julho/20 era cotado à US$ 3,21 com valorização de 2,00 pontos, o setembro/20 valia US$ 3,25 com elevação de 2,00 pontos, o dezembro/20 era negociado por US$ 3,33 com ganho de 1,75 pontos e o março/20 tinha valor de US$ 3,46 com alta de 1,50 pontos.

Segundo informações da Agência Reuters, os futuros do milho sobem nesta segunda-feira apoiados no sentimento de que a China está pronta para acelerar as compras de produtos agrícolas dos Estados Unidos e implementará o acordo comercial da Fase 1 assinado em janeiro com os EUA.

Além disso, os preços do petróleo subiram mais de US$ 1 por barril, atingindo o nível mais alto em mais de um mês, apoiados pelos contínuos cortes na produção e sinais de recuperação gradual da demanda de combustível, o que pode se refletir no setor do etanol de milho americano.

Relembre como fechou o mercado na última sexta-feira:

>> Milho tem poucas movimentações no Brasil nesta 6ªfeira, mas tendência segue de alta

Tags:
Por:
Guilherme Dorigatti
Fonte:
Notícias Agrícolas

0 comentário