Mato Grosso já colheu 61,13% da safra de milho e Imea espera maior produção da sua série histórica

Publicado em 14/07/2020 09:15 181 exibições

LOGO nalogo

O Imea (Instituto Mato-Grossense de Economia Agropecuária) divulgou relatório apontando que a colheita da segunda safra de milho já foi finalizada em 61,13% das lavouras do Mato Grosso até a última sexta-feira (10). Tal crescimento representa avanço de 14,97 pontos percentuais em relação à semana passada.

O relatório também atualizou as estimativas de comercialização do milho no estado. De acordo com o Instituto, 87,09% da safra 2019/20 já foi negociada, um aumento de 10,04 pontos percentuais com o mesmo período do ano passado para a última safra.

Já para a safra 2020/21, os produtores mato-grossenses já venderam 40,89% da produção prevista. Deste modo, a safra futura se adianta mais uma vez na série histórica do Imea e fica 14,29 pontos percentuais e 31,26 pontos percentuais à frente da safra passada e da média de cinco anos, respectivamente.

“Observando os preços praticados pelo mercado no mês passado, a safra 2019/20 foi comercializada na média de R$ 31,58 por saca, enquanto a safra 2020/21, a R$ 30,06 por saca”.

Enquanto isso, o indicador Imea fechou a semana acumulando alta de 1,67% em relação à semana passada, cotado a R$ 32,15 por saca. De acordo com o Imea, os ganhos vieram refletindo o mercado internacional do cereal, que manteve tendência de alta.

Confira o relatório completo no site do Imea

 

Tags:
Por:
Guilherme Dorigatti
Fonte:
Notícias Agrícolas

RECEBA NOSSAS NOTÍCIAS DE DESTAQUE NO SEU E-MAIL CADASTRE-SE NA NOSSA NEWSLETTER

0 comentário