Em setembro, Brasil importou 176,5% mais milho do que no mesmo mês de 2020

Publicado em 01/10/2021 16:21 108 exibições

Logotipo Notícias Agrícolas

O Brasil finalizou o mês de setembro importando um acumulado de 407.379,2 toneladas de milho não moído, exceto milho doce, de acordo com os dados divulgados pelo Ministério da Indústria, Comércio Exterior e Serviços, por meio da Secretaria de Comércio Exterior (Secex).

Isso significa que, na reta final do mês, que corresponde à nove dias úteis, o país recebeu 162.078,2 toneladas de milho, que somam as 245.301 acumuladas nas três primeiras semanas do mês.

No acumulado de setembro de 2021, o país ultrapassou em 176,5% o equivalente a todo o registrado em setembro de 2020 (147.332 toneladas). Sendo assim, a média diária de importação ficou em 19.399 toneladas contra 7.015,8 do mesmo mês do ano passado, aumento de 176,5%.

O nono mês de 2021 também representou elevações nos valores médios diários gastos que saíram de US$ 1.066,00 mil em 2020 para US$ 4.715,3 mil em 2021, aumento de 342,33% e nos preços dispensados por tonelada importada, que subiram 59,97% saindo de US$ 151,90 para US$ 243,10.

De acordo com os dados consolidados da Secex, de janeiro até agosto, o Brasil já importou 1.227.486 toneladas de milho, número 112,2% maior do que o mesmo período do ano anterior.

Por:
Guilherme Dorigatti
Fonte:
Notícias Agrícolas

RECEBA NOSSAS NOTÍCIAS DE DESTAQUE NO SEU E-MAIL CADASTRE-SE NA NOSSA NEWSLETTER

Ao continuar com o cadastro, você concorda com nosso Termo de Privacidade e Consentimento e a Política de Privacidade.

0 comentário