Inflação menor redobra aposta no corte da taxa de juros em 2017

Publicado em 09/02/2017 06:21 77 exibições

Na esteira da recessão econômica, a inflação de janeiro desacelerou para o menor patamar no mês em mais de 30 anos, aumentando as apostas de que o BC vai cortar mais fortemente os juros neste ano.

O IPCA (índice oficial de inflação) ficou em 0,38% na comparação com dezembro, a menor alta desde 1979.

Em janeiro do ano passado, o indicador subiu 1,27%.

No acumulado dos 12 meses encerrados em janeiro, a inflação foi de 5,35%, ante 6,29% um ano antes.

O indicador veio abaixo também da expectativa dos analistas, que agora preveem que a melhora na inflação abrirá espaço para um corte mais forte da taxa de juros (Selic) pelo Banco Central.

"Em nossa opinião, as condições econômicas ao longo de 2017, principalmente no que tange a atividade econômica e as expectativas inflacionárias para 2018, possibilitarão ao BC levar a taxa Selic para 9,25% ao final de 2017", afirmou o economista do banco Daycoval Rafael Cardoso, em relatório.

No mercado de juros futuros, em que os investidores buscam proteção contra oscilações bruscas dos juros, os contratos negociados para os próximos meses também mostram que cresce a aposta de corte maior na taxa básica.

Leia a notícia na íntegra no site Folha de S.Paulo.

Fonte:
Folha de S.Paulo

RECEBA NOSSAS NOTÍCIAS DE DESTAQUE NO SEU E-MAIL CADASTRE-SE NA NOSSA NEWSLETTER

Ao continuar com o cadastro, você concorda com nosso Termo de Privacidade e Consentimento e a Política de Privacidade.

0 comentário