Trump diz que teve uma boa conversa com presidente da China sobre comércio e Coreia do Norte

Publicado em 01/11/2018 12:31 e atualizado em 01/11/2018 16:32
2636 exibições

LOGO REUTERS

WASHINGTON (Reuters) - O presidente dos Estados Unidos, Donald Trump, disse nesta quinta-feira que teve uma conversa "muito boa" com o presidente chinês, Xi Jinping, sobre comércio e Coreia do Norte e que os dois planejam se reunir na próxima reunião do G-20.

"Tive uma longa e muito boa conversa com o presidente da China, Xi Jinping. Conversamos sobre muitos assuntos, com forte ênfase no comércio", escreveu Trump. "Essas discussões estão indo muito bem com as reuniões sendo agendadas no G-20 na Argentina. Também tivemos uma boa discussão sobre a Coreia do Norte!"

(Por Susan Heavey)

Mercado da soja sobe forte em Chicago

Bastou a divulgação no Twitter do presidente dos Estados Unidos, Donald Trump, sobre o assunto para que o mercado da soja na Bolsa de Chicago começasse a reagir. Os principais contratos que trabalhavam próximos da estabilidade nesta quinta-feira (1),  em poucos minutos já registravam ganhos de mais de 20 pontos. Por volta de 12h50 (horário de Brasília), as cotações subiam mais de 30 pontos - ou quase 4% - entre suas principais posições. Com essas altas, o novembro/18 já voltava aos US$ 8,70 e o maio/19 aos US$ 9,08 por bushel. 

Entre os produtos taxados pela China em retaliação às elevações de tarifas iniciadas pelo governo americano, a soja é o calcanhar de Aquílis nas negociações, já que o país asiático depende do produto americano para compor sua estratégia de esmagamento e transformação do grão em proteína animal. E mesmo que ainda não exista nada concreto, o anúncio de uma evolução nas conversações já foi suficiente para animar o mercado. 

Mais cedo, o mercado sentiu a pressão dos números das novas vendas semanais para exportação dos EUA que vieram abaixo das expectativas do mercado divulgados pelo USDA (Departamento de Agricultura dos Estados Unidos).

Na semana encerrada em 25 de outubro, as vendas norte-americanas de soja somaram apenas 395,8 mil toneladas. O total é 34% menor do que a média das últimas quatro semanas, e o maior comprador foi Portugal. As expectativas variavam de 400 mil a 760 mil toneladas. 
 
Novos cancelamentos foram reportados, nesta semana de 519 mil toneladas para destinos não revelados e 62,8 mil toneladas da China. 

No acumulado da temporada, os EUA já têm comprometidas 21.450,7 milhões de toneladas, contra mais de 30,3 milhões do ano passado, nesse mesmo período. A estimativa do USDA para toda a temporada é de que o país exporte 56,07 milhões de toneladas. 

Leia mais:

>> China importa 28% mais soja do Brasil e segue evitando mercado dos EUA 

Por: Carla Mendes
Fonte: Reuters + Notícias Agrícolas

Nenhum comentário