Parlamentares nos EUA buscam avançar em esforços para conter China

Publicado em 21/04/2021 12:28 195 exibições

LOGO REUTERS

Por Patricia Zengerle e Michael Martina

WASHINGTON (Reuters) - Parlamentares norte-americanos esperam que uma legislação abrangente para aumentar a capacidade do país de reagir contra a China avance por meio de um painel do Senado nesta quarta-feira, após semanas de negociações entre democratas e republicanos.

Os membros do Comitê de Relações Exteriores do Senado foram definidos para debater a "Lei de Competição Estratégica de 2021" e considerar as emendas, antes de votar se a enviariam para votação no Senado.

"Estamos realmente satisfeitos com o alto grau de consenso bipartidário sobre esta legislação e como abordar a China e a região Indo-Pacífico de forma mais ampla", disse um assessor democrata no Congresso a repórteres em uma teleconferência na terça-feira.

O projeto de 280 páginas, cujos detalhes foram relatados pela primeira vez pela Reuters em 8 de abril, trata da competição econômica com a China, mas também de valores humanitários e democráticos, como a imposição de sanções contra o tratamento da minoria muçulmana uigures e o apoio à democracia em Hong Kong.

Os membros do comitê apresentaram cerca de 150 emendas, disse o assessor.

O projeto de lei é parte de um esforço acelerado anunciado em fevereiro pelo líder da maioria democrata no Senado, Chuck Schumer, para aprovar uma ampla gama de leis para combater a China.

"Ter algo que está incorporado na estrutura legal, que seja durável e duradouro, é realmente importante, especialmente se você estiver olhando para o tipo de competição que imaginamos com a República Popular da China nos próximos anos e décadas", o assessor disse.

A medida também prevê recursos de centenas de milhões de dólares, que ainda precisam ser acertados.

Fonte:
Reuters

RECEBA NOSSAS NOTÍCIAS DE DESTAQUE NO SEU E-MAIL CADASTRE-SE NA NOSSA NEWSLETTER

0 comentário