Rabobank aumenta estimativas para preços dos grãos ainda nesse trimestre

Publicado em 23/07/2012 11:53
Uma das piores secas sofridas pelos Estados Unidos nos últimos tempos está dizimando a produção de grãos no país e provocando uma expressiva alta dos preços nos mercados internacionais. Frente a isso, o banco internacional Rabobank estima que as cotações devem subir ainda mais nos próximos meses. As altas poderiam até mesmo exigir a intervenção de governos nos mercados fora dos Estados Unidos como forma de garantir o abastecimento e conter pressões inflacionárias. 

Para esse trimestre, a projeção do Rabobank é de que o preço médio do milho seja de US$ 8 por bushel e, para a soja, a média estimada é de US$ 17, valor que a oleaginosa no vencimento agosto já alcançou na semana passada. No caso do trigo, o preço médio deverá ser de US$ 8,90. 

Segundo analistas do banco, apenas fortes e volumosas chuvas seriam capazes de conter essa firme escalada dos preços. No entanto, meteorogistas continuam afirmando que não há essa possibilidade para os próximos dias, o que reforça a tendência de alta no mercado. 

Entretanto, paralelamente a essa alta dos preços há ainda o problema de uma nova crise alimentar mundial. Essa estiagem que castiga os Estados Unidos sucede um período de quebra de safra na América do Sul na temporada 2011/12 e de estoques norte-americanos preocupantemente baixos. Tal cenário deverá colocar em foco a necessidade de um racionamento da demanda ao redor do mundo. 

Ainda segundo o Rabobank, os preços deverão se manter nos atuais patamares para que possam conter a demanda por ração, biocombustíveis e exportações. Atualmente, os profissionais que utilizam o farelo de soja são os que sentem mais o impacto da alta dos preços. O produto não tem substituto, é o principal fornecedor de proteína animal e também vem registrando preços recordes nas últimas semanas. 
Tags:
Por:
Carla Mendes
Fonte:
Notícias Agrícolas

RECEBA NOSSAS NOTÍCIAS DE DESTAQUE NO SEU E-MAIL CADASTRE-SE NA NOSSA NEWSLETTER

Ao continuar com o cadastro, você concorda com nosso Termo de Privacidade e Consentimento e a Política de Privacidade.

0 comentário