Soja MT: Preços ao produtor tiveram queda de 11,5% em setembro

Publicado em 01/10/2013 08:38
268 exibições

Durante o mês de setembro os preços futuros internos disponibilizados aos produtores de Mato Grosso tiveram uma queda em média de 11,5%, passando de R$ 52,79 para R$ 46,70/saca. Essa queda deriva da desvalorização de 4,4% no preço da soja na Bolsa de Chicago, associada à desvalorização do dólar perante o real de 4,9%. A chuva que caiu nas regiões produtoras nos EUA foi o fator que impulsionou a queda em Chicago, já o dólar teve desvalorização após as fortes intervenções do governo brasileiro, associadas à notícia de que o governo americano irá manter a ajuda a sua economia. No mês de setembro também se iniciaram os trabalhos de semeadura da soja, com uma evolução nessa semana de 0,5 p.p., chegando a 0,8% da área total semeada. A região nordeste ainda não iniciou a semeadura, pois nesta região tradicionalmente chove mais tarde. Já a região oeste é a mais adiantada, com cerca de 2,2% da área semeada, se destacando devido aos volumes maiores de chuva nesta região. No comparativo com o ano passado, a semeadura está atrasada em quase 1p.p. Os produtores estão com os maquinários prontos, só à espera da chuva para iniciar ou dar continuidade à semeadura. Porém a previsão para as próximas semanas não é muito animadora, visto que em várias regiões chuvas significativas só devem chegar após a segunda quinzena do mês de outubro. Desta forma, fica a expectativa de que as previsões mudem e chova antes, para não prejudicar a semeadura da segunda safra de milho e algodão, em virtude de um atraso na semeadura de soja.  

Leia a íntegra no boletim do Imea

Tags:
Fonte: Imea

0 comentário