Soja MT: Com fim do plantio, atenção se volta para desenvolvimento das lavouras

Publicado em 17/12/2014 09:15 88 exibições

Com o fim da semeadura da soja em Mato Grosso, as atenções neste momento voltam-se para o desenvolvimento das lavouras. A partir da data de semeadura e do ciclo utilizado nas sementes (precoce, normal e tardio), foi possível projetar o percentual que poderá ser colhido semanalmente. Acredita-se que apenas 5,9% da área total estará colhida até o fim de janeiro, ficando abaixo da média dos últimos cinco anos. O pico da colheita é projetado entre a segunda quinzena de fevereiro e a primeira semana de março, acumulando 66% de colheita neste período. Porém, tem-se previsão (Somar) de chuvas acima da média em muitos municípios do Estado nesta data. Assim, a definição da produtividade desta safra deve ficar para os últimos dias, pois o clima poderá trazer reflexos positivos, mas também pode atrapalhar o ritmo da colheita,possibilitando perdas na produtividade com o excesso de chuvas.

Leia o boletim na íntegra no site do Imea

Tags:
Fonte:
Imea

RECEBA NOSSAS NOTÍCIAS DE DESTAQUE NO SEU E-MAIL CADASTRE-SE NA NOSSA NEWSLETTER

0 comentário