Chicago: Nesta 6ª feira, soja devolve parte dos ganhos e volta a operar em campo negativo

Publicado em 18/11/2016 07:24 e atualizado em 18/11/2016 11:00
615 exibições

O mercado da soja na Bolsa de Chicago volta a recuar nasessão desta sexta-feira (18). Os futuros da oleaginosa, por volta das 8h (horário de Brasília), recuavam entre 5,25 e 6 pontos nos contratos mais negociados. Assim, a primeira posição - janeiro/17 - era cotada a US$ 9,84 e o maio/17, referência para a safra do Brasil, valia US$ 10,01 por bushel. 

Os negócios com a commodity concluem essa semana ainda registrando volatilidade e a influência não só dos fundamentos, bem como do cenário externo com as movimentações e notícias que chegam do mercado financeiro. Os traders se dividem agora entre as boas novas da demanda, o andamento do dólar e o clima para a safra da América do Sul, principalmente, segundo explicam analistas e consultores de mercado. 

E ainda nesta sexta-feira, entre as principais commodities agrícolas, a única que ainda se sustentava em campo positivo era o açúcar, que subia levemente em Nova York, enquanto os futuros do café e do algodão recuavam. Na CBOT, quem liderava as baixas era ainda o trigo, que perdia mais 4% no pregão de hoje, acumulando baixas bastante intensas nos últimos dias. O petróleo, nesta manhã, recuava 0,51% para chegar aos US$ 45,17 por barril e o dólar index subia levemente, perto de 0,21%. 

Veja como fechou o mercado nesta quinta-feira:

>> Soja fecha Chicago com leves altas nesta 5ª feira; preços no BR ainda inspiram negócios

Tags:
Por: Carla Mendes
Fonte: Notícias Agrícolas

0 comentário