Soja recua nesta 2ª feira na CBOT com previsões indicando clima mais favorável nos EUA

Publicado em 22/07/2019 07:55
1475 exibições

LOGO nalogo

O mercado da soja opera em baixa nesta segunda-feira (22) na Bolsa de Chicago. As cotações perdiam mais de 6 pontos nos principais contratos e, por volta de 7h40 (horário de Brasília), o agosto tinha US$ 8,95 e o novembro, US$ 9,13 por bushel. 

Depois de um final de semana de calor intenso e tempestades nos EUA, as previsões atualizadas no último domingo indicam condições favoráveis para o Corn Belt nos próximos dias e pressionam os preços neste início de semana. 

"Com isso, traders devolvem parte dos ganhos de sexta-feira. A queda é limitada porque há especulação em relação a possíveis avanços nas negociações entre EUA e China", explica o diretor da Cerealpar, Steve Cachia.

De acordo com rumores que circulam pelo mercado, compradores chineses já estariam buscando se informar sobre novas compras de soja norte-americana, o que, se confirmado, poderia trazer um bom estímulo aos futuros da commodity. 

Ainda nesta segunda, atenção aos números que chegam após o fechamento do pregão, no relatório semanal de acompanhamento de safras do USDA (Departamento de Agricultura dos Estados Unidos) às 17h (Brasília). A expectativa do mercado é de que o índice de lavouras em boas ou excelentes condições permaneça em 54%.  Para o milho, se espera uma ligeira alta, de 58% para 59%. 

Veja como fechou o mercado na última sexta-feira:

>> Soja sobe forte em Chicago com rumores de compras da China e puxa preços no BR

Tags:
Por: Carla Mendes | Instagram @jornalistadasoja
Fonte: Notícias Agrícolas

0 comentário