Com área até 15% menor, Paraguai pode ter de importar mais trigo

Publicado em 03/06/2019 10:43
181 exibições

A área de plantio de trigo no Paraguai terá queda de 10% a 15% na safra 2019/20 em relação à anterior. O número é resultado, principalmente, de um menor nível de investimento por parte dos produtores e das perspectivas climáticas desafiadoras.

Os produtores estão fazendo poucos investimentos porque os preços não são os melhores neste ano, segundo afirma a União de Grêmios da Produção (UGP) ao portal Última Hora.

"Em quatro anos, o plantio de trigo teve queda de 60% e não se recupera. Não sabemos se vamos poder abastecer o país desta vez. Se não ocorrer, teremos de importar trigo, aumentando os preços dos produtos que derivam deste cereal!, disse Orlando Gallas, gerente técnico da Cooperativa Colonias Unidas.

Dos 34.000 hectares plantados no ano passado, neste anos serão plantados apenas 28.000, com o clima enquanto desafio, já que geadas estão previstas para estes meses.

Aurio Frighetto, dirigente da Coordenadoria Agrícola do Paraguai (CAP), manifestou que os produtores só irão cultivar trigo para a cobertura de solo, como forma de prepará-lo para a soja.

Tradução: Izadora Pimenta

Fonte: Grupo Trigo

0 comentário