Primeira reportagem de uma série mostra RR aos produtores rurais e o trabalho do estado para atrair novos investidores

Publicado em 09/09/2019 20:53 e atualizado em 10/09/2019 09:54
3494 exibições
O início da colheita em plena entressafra brasileira é apenas uma das vantagens desse estado que quer modificar a matriz econômica priorizando o Agronegócio
Roraima - 2019

Podcast

Primeira reportagem de uma série mostra RR aos produtores rurais e mostra o esforço do estado para atrair novos investidores

Download

A colheita da soja avança nas propriedades de Roraima. A área de 40 mil hectares plantada em 2019 deve registrar média de 52 sacas. Mas já tem produtor superando as 60 sacas. O Estado é último a colher no Brasil pois fica localizado no extremo norte do país, faz fronteira com a Venezuela e a Guiana Inglesa. Com quase todo território no hemisfério norte, o calendário de cultivo propicia uma oferta do grão no segundo semestre, época de entressafra brasileira.

As lavouras são plantadas num raio de 100 km da capital Boa Vista. Com um regime consolidado de 1400 mm de chuva por ano,  com as maiores concentrações entre maio e agosto , temperatura média de 27 graus e luminosidade de 12 horas/dia,  a soja no estado é rápida no desenvolvimento e com alto teor de proteína nos grãos atingindo até 3% , 4% acima da média nacional.

O volume de soja produzida vem crescendo nos últimos anos, mas ainda é pequeno para atrair concorrência na comercialização e motivar investimentos da agroindústria.

A meta do governo do estado é ampliar a oferta de soja e outros produtos do agro até 2022. A soja , por exemplo, precisa atingir 100 mil hectares... ou seja, em 3 anos é preciso mais que dobrar a área plantada.

Para atrair investidores, a iniciativa privada , com apoio dos próprios produtores , a Federação de Agricultura e o Governo do Estado  promovem anualmente um encontro com potenciais interessados.

Esse ano, a abertura oficial da colheita reuniu mais de mil pessoas e aconteceu na fazenda Terra fértil , do Marcos Viecélle. Foram plantados 1,3 mil ha e apesar de serem áreas de primeiro plantio, conseguiu médias produtivas significativas de 50 sacas/ha.

Além de atrair investidores,  os organizadores do evento querem promover também a integração do agro com a população urbana. Para isso, criaram  o Roraima Agroshow. No parque de exposições de Boa Vista, uma programação com palestras técnicas,  mais de 60 expositores  ligados ao comércio, indústria, serviço e agronegócio , além de atrações  voltadas para toda a família.

 

Tags:
Fonte: Notícias Agrícolas

4 comentários

  • Jaber Felippe Paranavaí - PR

    Quem seria responsável por informações sobre a expansão, o governo ou a Federação da Agricultura? Como disse o Marco Antônio, é necessário conhecer toda a logística de aquisição e venda de produtos, conhecer os preços de frete, da terra. Também é necessário saber a composição da terra, se é argilosa ou arenito.

    1
  • marco antonio stahlschmidt Araquari - SC

    muito boa produtividade,.....mas e o custo disso????. o calcario vem do estado do Pará, são 7 dias de balsa + 3 dias de caminhao... a quanto chega a tonelada ? o adubo vem da onde ? a quanto a tonelada. ? defensivos, ? ... bem , chegou a colheita, vai escoar para onde? itaquatiara ? mais 04 a 05 dias de caminhao, a quanto a tonelada do frete ? ....ate´a soja chegar ao porao do navio, e´bem provavel, que os custos nao cobrem a receita da venda,.....

    3
    • Luan Henrique Guimarães do Nascimento Taquarituba - SP

      Mas isso tem em todo lugar, não importa localidade, tudo vem de algum lugar que demanda tempo e valor.

      Importante é como você trabalha toda essa logística, com informações, compro insumos agora ? Dólar pode ficar mais barato mais pra frente, então deixo pra comprar um pouco depois ?

      Vou vender agora ? Os argumentos mostram que é pra segurar um pouco que vai ter um melhor preço.

      Importante em qualquer negócio é gestão, informação.

      Custos, pra onde vou mandar, da onde vem, isso sempre vai ter. Agora o modo que trabalharmos isso é que vai fazer a diferença.

      Sucesso Marco Antonio.

      Abraços.

      0
  • Adriel Luciano Zanelato floriano Peixoto - RS

    Teria algum possivel numero de telefone para entrar em contato com alguem da região. Tenho interesse.

    2
  • Luan Henrique Guimarães do Nascimento Taquarituba - SP

    Que notícia boa, que RR se desenvolva, vire uma potência agro e ajude alavancar os outros setores.

    Nosso Brasil precisa disso, na torcida por você RR, continuem assim e não só vocês crescerão mas o Brasil como um todo.

    Forte abraço.

    3