DA REDAÇÃO: Volta dos fundos às compras e continuidade da seca na América do Sul impulsionam cotações em Chicago

Publicado em 17/01/2012 13:31 e atualizado em 17/01/2012 15:45 521 exibições
Grãos: Volta dos fundos às compras e continuidade da seca na América do Sul impulsionam cotações nesta terça-feira em Chicago. Mercado deve continuar sustentado diante dos baixos estoques americanos e clima adverso. Entretanto, crise europeia ainda preocupa investidores.
Mercado de grãos encontra bom suporte nesta terça-feira, 17, na Bolsa de Chicago. A notícia do crescimento do PIB chinês e a estiagem continuada em regiões produtoras da América do Sul animou investidores na sessão de hoje.

"Eu estou vendo o mercado influenciado mais pela entrada dos fundos de investimentos. A notícia da China foi muito importante, trouxe um  ânimo ao mercado. A gente vê todas as bolsas de valores na Europa subindo acima de 1% e nos Estados Unidos também", comenta o analista de mercado da Cerealpar, Steve Cachia.

De acordo com ele é bastante provável que o mercado fique sustentado nos próximos meses com base nos fundamentos positivos, como clima adverso na américa do Sul e baixos estoques norte-americanos.  

Apesar da tendência positiva, no entanto, há fatores que podem limitar altas para as commodities. Entre eles, segue a questão da crise europeia que ainda continua preocupando investidores. "Eu tenho sentido um certo receio do investidor, apesar da euforia de hoje, porque se fala muito que talvez até a Alemanha e Inglaterra entre em recessão e isso traz uma certa insegurança ao mercado", completa.

Por:
João Batista Olivi e Marília Pozzer
Fonte:
Notícias Agrícolas

0 comentário