Ronaldo Caiado admite que pode ser candidato à Presidência pelo DEM

Publicado em 15/10/2013 13:52 e atualizado em 16/10/2013 07:33
2468 exibições
Ronaldo Caiado admite aceitar ser candidato à Presidência da República pelo partido Democratas. Falta somente o diretório executivo do DEM confirmar a decisão. Caiado destaca que a agropecuária é o único setor do Brasil que é referência internacional e isso deverá ser colocado para a sociedade nos debates.

O processo eleitoral para a Presidência da República estava começando com 3 candidatos: A atual Presidente Dilma Rousseff pelo PT, Aécio Neves pelo PSDB e o Eduardo Campos pelo PSB. Nesse cenário, o Deputado Federal, Ronaldo Caiado (DEM/GO), grande defensor do agronegócio, estava apoiando o candidato Eduardo Campos, porém a ex-senadora Marina Silva se coligou ao PSB e afirmou não querer em seu palanque o Deputado Caiado, uma vez que ele representa os ruralistas, e disse ainda que esse é o setor mais atrasado do país, além de uma série de outras agressões, as quais muitas pessoas foram contra alegando que isso foi uma agressão a todos os produtores rurais do Brasil.

Com isso, nesta terça-feira (15) o partido Democratas começou a se reunir para realizar uma avaliação sobre a possível candidatura do Deputado Ronaldo Caiado à Presidência da República. Caiado afirma que está disposto a encabeçar essa luta: “Eu tenho que respeitar o meu partido, nós tivemos uma reunião hoje (15) e esse processo irá avançar, mas estou disposto sendo esse o sentimento do partido”.

O Deputado diz ainda que a tese conservadora brasileira está totalmente demonizada atualmente, como se não pudesse participar de uma candidatura e não pudesse demonstrar o seu lado: “Pesquisas apontam que 49% dos brasileiros concordam com as nossas ideias, então temos que ser coerentes e ter a coragem de colocar a nossa pauta para que a sociedade decida quem realmente pode governar o país com independência moral e intelectual”.

Quanto ao apoio de Caiado ao candidato Eduardo Campos, desde o mês de março o Deputado já havia sido recebido por Campos em uma conversa aberta no sentido de deixar claro que o Brasil já não suporta mais campanhas políticas que querem crucificar alguém como um inimigo público. Segundo Caiado, precisamos evoluir para uma política sem essa questão: “Conversamos muito para poder ouvir todas as tendências do país e ele, como um candidato a Presidente, chegando à presidência teria um comportamento de estadista e mediador, definindo os rumos e ouvindo todos os lados”.

No entanto, Ronaldo Caiado foi surpreendido pela filiação de Marina Silva ao PSB e também pelas críticas da ex-senadora dizendo que eles eram inimigos históricos. Para o Deputado Caiado, Eduardo Campos estava produzindo um momento diferente no Brasil, com espaço para as ideias, com um ponto de concórdia na área do meio-ambiente, do produtor rural e da conciliação com as comunidades indígenas, buscando um país que não fosse aquele de eleger um inimigo. Porém, o Deputado ficou surpreso quando recebeu a atitude intolerante de Marina Silva.

“No Congresso Nacional perdemos e ganhamos votações, mas não declaramos ninguém como inimigos históricos, isso é um rancor inaceitável nos dias de hoje, já que a beleza do parlamento e da democracia é justamente o debate entre pessoas que tem ideias diferentes”, afirma o Deputado Ronaldo Caiado.

Após as críticas de Marina Silva, todas as entidades ruralistas nacionais repudiaram essa atitude, quando então a ex-senadora alegou levar o caso como de ordem pessoal: “Eu não tenho nada de ordem pessoal com a ex-senadora, sempre na casa eu defendi o que eu acredito de maneira frontal e nunca transformei meus debates na Câmara dos Deputados em eleger inimigos, então acho que isso é intolerância e hostilidade ao produtor rural”, completa Caiado. A agricultura é o setor de sustentação da economia brasileira e não existe nenhum outro segmento da economia em que o trabalhador tenha uma relação tão próxima com os seus funcionários, fazendo com que não seja necessário criar uma situação como essa nos dias de hoje.

Por: João Batista Olivi e Paula Rocha
Fonte: Notícias Agrícolas

8 comentários

  • salvador reis neto santa teresa do oeste - PR

    vote caiado para ver o brasil mudado com a força do interior e do agronegocio .

    0
  • Celso de Almeida Gaudencio Londrina - PR

    Estaremos sempre com Caiado. Quanto a Marina primeiro tem que responder as acusações de Aldo Rebelo em plenário da Câmara quando se discutia o Código Florestal. A Lei das concessões de florestas publicas, as .....

    0
  • Almir José Rebelo de Oliveira Tupanciretã - RS

    Assisti 2 momentos históricos do Deputado Caiado! O primeiro, na guerra dos transgênicos, no momento das grandes negociações das medidas provisórias e na aprovação da lei de Biossegurança,flagrei um deputado do Ceará representante de ONGS dizendo o seguinte: "esse Caiado por várias vezes fizemos protestos contra a UDR dele mas agora tenho que tirar o chapéu pra ele pois esse cara é um extraordinário negociador"!. O segundo, na votação do Código Florestal, quem salvou os pequenos produtores foi quando o Deputado Caiado após o relatório do Dep. Paulo Piau, calçou o pé e fez a Presidenta criar os 5 m, 8 m, e percentuais de margens ciliares e salvou o possível no código! desta forma a presença do dep. Caiado nos palanques será a extraordinária possibilidade da população urbana conhecer o agronegócio que coloca na mesa de todos o alimento mais barato do mundo cujo produtor é brasileiro! Também os debates terão nível e o agronegócio vai ter mais respeito político e vai encurtar o tempo de consolidar o Brasil como potência agrícola mundial! Não tenho dúvidas disso! Vou fazer a minha parte!

    0
  • HAROLDO FAGANELLO Dourados - MS

    COM O CAIADO PODEMOS ATÉ NÃO GANHAR, MAS VAMOS LAVAR A ALMA NOS PALANQUES....E A MARINA E A DILMA(LULA) VÃO OUVIR O QUE NÃO QUEREM, MAS QUE MERECEM....

    0
  • Paulo N. Tozatti Erechim - RS

    AÍ ESTÁ UMA PROVA DA INCOMPETÊNCIA POLÍTICA DESSA MOCINHA DO ACRE. MEXEU ONDE DEVIA...SE DEU UM TIRO NO PÉ, E CONSEGUIU EM 1 MINUTO DE DISCURSO FAZER SURGIR UM FORTE NOME QUE VAI MUDAR O RUMO DAS ELEIÇÕES PRESIDENCIAIS DE 2014.. DIGO FORTE PORQUE NESSA CARRUAGEM VEI LEVAR 99,99% DOS RURALISTAS. QUERO OUVIR O QUE VAI SAIR DESSA BOQUINHA DURANTE A CAMPANHA. AH: CONTINUA AGINDO DESSA MANEIRA MENINA, ESTAMOS ACHANDO ÓTIMO. OBRIGADO. SEMPRE QUANDO ESTIVER ALMOÇANDO, NÃO ESQUEÇA DE AGRADECER A UM PRODUTOR RURAL E DÊ A ELE UM BEIJO NA FACE. E SE POSSÍVEL DE JOELHOS

    0
  • Márcio Custódio de Araújo Centralina - MG

    Sou produtor na regiao do Triangulo Mineiro, na cidade de Centralina.MG, quero ter o prazer de votar novamente em um ruralista, principalmente a pessoa do Ronaldo Caiado, sempre lutando pelo Agronegocio Brasileiro, nada contra a Marina Silva, mais nao conheço seus trabalhos para o Brasil, acho que ela e so mais uma politica que faz criticas, ela pode ter boas ideias, mais o nosso Brasil nao vive so de boas ideias e sim de açoes, pelo que eu vejo, ela so faz criticas, e bom falar dos erros outros?, com disse, ser pedra e melhor do que ser vidraça, eu ja tive experiencia de ver meus pais em votar no Ronaldo Caiado, na epoca era na UDR, pena que nao ganhamos, peso eu, se o Caiado tive-se ganhado, o Brasil poderia estar bem melhor, CAIADO conta com meu apoio e voto.

    0
  • FABIAN VIER GROSS Canarana - MT

    O cenário brasileiro apresenta o agronegöcio cada vez mais importante na economia. Porém, cada vez mais necessitado de infraestrutura, atacado por ambientalistas e ameaçado por causas indíginas infundadas. Eu acho que está passado da hora de colocar um ruralista na presidencia. E a marina silva que vá plantar árvore em torno do rio tietê kkk

    0
  • Valdir Edemar Fries Itambé - PR

    Palavras firmes e objetivas, como costumamos dizer, TRILHANDO O CAMINHO COM OS PÉS NO CHÃO. Sei que para articular e viabilizar uma candidatura a nível nacional é difícil,mas não impossível diante da personalidade e da liderança de RONALDO CAIADO,a quem o AGRONEGÓCIO BRASILEIRO deve reconhecer pelo seu trabalho em defesa do setor agropecuário, e se confirmada a candidatura retribuir em muito com apoio eleitoral...Parabéns pela iniciativa CAIADO, esperamos que os DEMOCRATAS entendam a sua posição para viabilizar a candidatura. Em relação às infamas provocadas por Marina Silva já os manifestamos aqui: http://www.noticiasagricolas.com.br/artigos/artigos-geral/129842-o-agronegocio-em-meio-a-instabilidade-das-politicas-publicas-e-atritos-politicos--por-valdir-fries.html

    0