EXCLUSIVO: Queimadas pelo Brasil aguardam chuvas de outubro para cessar

Publicado em 29/09/2010 14:16 e atualizado em 29/09/2010 16:09
241 exibições
Radares do INPE mostram que, mesmo com as chuvas, as queimadas continuam destruindo o centro-oeste brasileiro, principalmente o Mato Grosso, além do Tocantins, Maranhão e Piauí. Técnicos garantem que os incêndios têm mão do homem...

 

A falta de chuvas por todo o Brasil faz avançar em algumas regiões também as queimadas. Os radares do INPE (Instituto Nacional de Pesquisas Espaciais) registraram até agora mais de 12 mil focos de incêndios principalmente no centro-oeste, norte e nordeste brasileiro. Apesar de a previsão apontar início das precipitações em outubro, elas devem chegar só na segunda quinzena do mês.

<?xml:namespace prefix = o ns = "urn:schemas-microsoft-com:office:office" />

 

Para o pesquisador do INPE, Fabiano Morelli, o ano já se caracteriza como crítico e as chuvas são ansiosamente aguardas para amenizar a situação.

 

Os estudos técnicos do Instituto garantem que os incêndios são ocasionados devido à alguma ação do homem, não se originam naturalmente. As informações de campo mostram que mesmo sem intenção, a queimada na queima de folhas secas, lixos e assim por diante.

Fonte: Redação NA

Nenhum comentário