EXCLUSIVO: Mercado do boi gordo segue com tentativas de recuos mais expressivos na cotações

Publicado em 16/06/2011 12:06 e atualizado em 16/06/2011 14:00 551 exibições
BOI GORDO: Com demanda fraca e oferta um pouco menor, mercado do boi gordo trava em tentativas de recuos mais expressivos na cotações. Pressão deve continuar já que não há expectativa de melhoria do consumo no curto prazo.

A pressão continua no mercado do boi gordo. A oferta de animais não é grande e a demanda segue enfraquecida, o que tem feito alguns frigoríficos buscarem tentativas de recuos mais expressivos na cotações. Algumas indústrias já trabalham com valores entre R$ 94,00 a R$ 97,00/@.

O boi casado teve o menor valor registrado no mercado atacadista neste ano, cotado hoje a R$ 5,84/@."Isso demonstra que o conusmo não anda bem, e esse fator que tem gerado maior pressão", comenta o analista da Scot COnsultoria Hyberville Neto.

No curto prazo, o mercado deve seguir pressionado, sem expectativa de melhora da demanda por carne. A reação pode ocorrer no final do mês, com a reposição de estoques do varejo.

Por:
Marília Pozzer
Fonte:
Notícias Agrícolas

0 comentário