Café: Com muita oscilação na bolsa de NY contratos para dezembro acumularam perdas de 580 pontos na semana

Publicado em 22/08/2014 18:08 e atualizado em 03/03/2020 04:19 842 exibições

Semana calma para o mercado de café. As cotações do café no mercado futuro seguiram o comportamento dos últimos meses e semanas oscilando com força no decorrer dos pregões, o que já não assusta os operadores, anestesiados pelos seguidos meses de intensa volatilidade. Na ICE Futures US, os contratos com vencimento em dezembro próximo acumularam perdas de 580 pontos na semana, perdendo parte da alta da semana anterior. 

O mercado físico brasileiro permaneceu calmo, sem interesse maior de vendedores e compradores. A segunda quinzena de agosto, auge do período de férias e verão no hemisfério norte, é tradicionalmente calma e desinteressada no setor exportador de café. Essa calma só costuma ser quebrada quando o Brasil enfrenta um inverno rigoroso com frentes frias ameaçando os cafezais do sudeste brasileiro, o que não aconteceu este ano.

Mesmo com uma entrada de safra com tempo quente sobre as lavouras brasileiras, os preços estão se sustentando e não existe pressão vendedora. Os produtores continuam voltados para os trabalhos de colheita e benefício, que estão bem perto do término. Não mostram pressa em vender e continuam bastante preocupados com o estado de suas lavouras, enfraquecidas pela seca. Já não têm dúvidas de que a próxima safra também foi prejudicada pela seca deste ano. Vendem apenas o necessário para cumprir os compromissos mais próximos, aguardando o desenvolvimento de suas lavouras e estimativas de produção para a safra 2015. 

A alta da inflação e as incertezas econômicas do país também contribuem com a insegurança dos cafeicultores.

A "Green Coffee Association" divulgou que os estoques americanos de café verde totalizaram 6.042.664 em 31 de julho de 2014. Uma alta de 386.860 sacas em relação às 5.655.804 sacas existentes em 30 de junho de 2014.

Até o dia 21, os embarques de agosto estavam em 1.266.809 sacas de café arábica, mais 216.656 sacas de café conillon somando 1.483.465 sacas de café verde, mais 82.688 sacas de café solúvel, totalizando 1.566.153 sacas embarcadas, contra 1.376.436 sacas no mesmo dia de julho. Até o dia 21 os pedidos de emissão de certificados de origem para embarque em agosto totalizavam 2.031.889 sacas, contra 1.923.133 sacas no mesmo dia do mês anterior.

A bolsa de Nova Iorque – ICE, do fechamento do dia 15, sexta-feira, até o fechamento de hoje, sexta-feira, dia 22, caiu nos contratos para entrega em dezembro próximo, 580 pontos ou US$ 7,67 (R$ 17,48) por saca. Em reais, as cotações para entrega em dezembro próximo na ICE fecharam no dia 15 a R$ 578,96 por saca e sexta-feira, dia 22 a R$ 564,80 por saca. Hoje nos contratos para entrega em dezembro a bolsa de Nova Iorque fechou com baixa de 225 pontos. 

Fonte:
Escritório Carvalhaes

0 comentário