Alta de 31,6% no preço do boi gordo no Rio Grande do Sul em quatro meses

Publicado em 18/02/2014 08:39 e atualizado em 18/02/2014 09:31 654 exibições
Por Renato Bittencourt.

As cotações do boi gordo estão firmes até o momento no estado, que giram entre R$8,30 e R$8,50 por quilo da carcaça, a prazo, segundo os preços pesquisados pela Lance Agronegócios.

Isto representa uma alta de 31,6% de outubro a fevereiro, ou R$2,00/kg da carcaça. Este movimento de alta acontece após o pico de oferta durante a retirada dos animais de áreas de pastagem para entrada das lavouras de verão.

Porém, esta valorização foi mais forte este ano. Segundo levantamento da Scot Consultoria, considerando o mesmo período, nos dez anos anteriores, o aumento de preços foi de 7,3%, em média, sendo que o maior valor foi de 23,4% em 2010/2011.

O início do ano mais chuvoso que o normal também colabora para a firmeza nas cotações, já que o pecuarista consegue reter os animais pela boa disponibilidade de pasto, o que permite espera de preços melhores.

Ou seja, o cenário está mais favorável que de costume, mas cuidados devem ser tomados. Historicamente falando, há queda de 1,1% em março, ante fevereiro, na média de 2003 a 2012, devido ao incremento na oferta de animais que geralmente acontece.

O mais aconselhável é que o pecuarista faça vendas compassadas, já que o preço está firme e em alta. Esperar por valores ainda maiores pode ser arriscado, porque quando as cotações começam a cair, a tendência é que todo mundo queria vender, o que pressiona ainda mais o mercado.

Vale lembrar que está é uma análise baseada em dados de anos anteriores, não deve ser considerada como regra, e sim como mais um fator para embasamento na tomada de decisão.

Tags:
Fonte:
Lance Agronegócios

RECEBA NOSSAS NOTÍCIAS DE DESTAQUE NO SEU E-MAIL CADASTRE-SE NA NOSSA NEWSLETTER

0 comentário